#RenameJWST: campanha acusa James Webb de homofobia e quer rebatizar telescópio

Como secretário de Estado e diretor da NASA, Webb teria aplicado políticas discriminatórias contra pessoas LGBTQ+

#RenameJWST: campanha acusa James Webb de homofobia e quer rebatizar telescópio
Créditos: Montagem | MC

O telescópio James Webb ganhou muita atenção após a divulgação de imagens do universo com qualidade jamais vista. No entanto, diversos cientistas, astrônomos e pesquisadores aproveitaram o momento para reforçar a campanha #RenameJWST, exigindo que o sucessor do Hubble mude de nome, já que estaria homenageando um "LGBTfóbico".

A campanha #RenameJWST começou em 2021. Antes do lançamento do telescópio, uma petição foi feita para que o nome fosse mudado, mas nada aconteceu. 

O homem homenageado foi o segundo diretor de administração da NASA, cujo nome esteve ligado a várias missões Apollo durante a corrida espacial dos anos 1960. No entanto, esse mesmo James Edwin Webb foi secretário de Estado dos EUA e teria aplicado políticas discriminatórias contra a comunidade LGBTQ+ desde a década de 1950.

Isso fazia parte do movimento "Lavender Scare" ("Ameaças Lavanda") que aconteceu durante a Guerra Fria e, entre outras coisas, pregava que gays e lésbicas representavam uma ameaça à sociedade. Como resultado, pessoas da comunidade LGBTQ+ foram perseguidas e expulsas de cargos públicos.

Em outro caso, dessa vez já dentro da NASA, em 1963, James Webb também teria demitido Clifford Norton por "condutas imorais, indecentes e vergonhosas". O então diretor da agência espacial havia suspeitado que o funcionário era homossexual.

Em março desse ano, o Nature publicou 400 páginas de documentos da NASA que comprovam a discriminação explícita das pessoas LGBTQ+ dentro da agência. Segundo a publicação, a "NASA decidiu que a remoção de empregados homossexuais seria a sua política. Eles tiveram a possibilidade de escolha durante a administração de Webb para decidir ou modificar esta política".

O telescópio James Webb é o resultado de uma colaboração de 20 anos entre a NASA, a Agência Espacial Europeia e a Agência Aeroespacial Canadense. Em setembro do ano passado, o atual diretor de administração da agência espacial dos Estados Unidos, Bill Nelson, disse que não há " evidências neste momento que reforcem a mudança de nome do telescópio espacial James Webb".

Continua após a publicidade

Não houve qualquer outro posicionamento recente sobre o caso.

Via: Tilt UOL

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.