Urubu do Pix: promessa de multiplicar o dinheiro na hora é golpe

Golpistas manipulam pessoas através do WhatsApp para conseguir valores e dados pessoais

Urubu do Pix: promessa de multiplicar o dinheiro na hora é golpe
Créditos: techfunnel

Um novo tipo de golpe via Pix está entrando na moda. Nesse novo método intitulado Urubu do Pix, os golpistas usam da falsa promessa de dinheiro fácil e retorno imediato para enganar as vítimas. Dessa forma, pedindo um simples depósito de R$ 50, os bandidos prometem um retorno de R$ 500 em poucos segundos. 

09/06/2022 às 16:41
Notícia

Malware Emotet está roubando cartões de crédito salvos no Chrome

Emotet é o ciberataque mais detectado até agora em 2022

Como funciona o Urubu do Pix

A tática é a mais simples de todas e está circulando em diversas redes sociais e grupos de WhatsApp. No Urubu do Pix, as vítimas são manipuladas para transferir um valor relativamente baixo, que pode começar em R$ 50 e ir além dos R$ 600. Assim, quanto mais alto o valor transferido, maior é a promessa de retorno. Ou seja, de R$ 30 vai para R$ 330, R$ 80 vai para R$ 750, de R$ 100 vai para R$ 1.000 e assim por diante.

Assim, quando a vítima do golpe transfere o valor desejado, o contato é bloqueado e não há mais como falar com a pessoa. Além dos dados pessoais e bancários dos usuários que podem ser utilizados em outro golpes, os bandidos também conseguem juntar um alto valor pela quantidade de pessoas enganadas. Dessa forma, com os valores considerados baixos, os golpistas conseguem ganhar a confiança de mais pessoas para roubá-las.

O golpe viralizou no Twitter e em várias páginas do Instagram e Facebook que possuem muitos seguidores. No exemplo abaixo, a conta fornece um link que leva a vítima ao WhatsApp, onde o golpe é aplicado.

Vale destacar que em vários casos, os criminosos também utilizam a armadilha de retornar valores nas transferências mais baixas, fazendo com que as vítimas transfiram uma quantidade maior para "multiplicar" novamente. Muitas vezes, as páginas também usam prints e capturas de tela falsos para enganar os seguidores.

Para não cair em golpes como o exemplo acima, primeiramente, nunca passe informações pessoais para qualquer pessoa. Lembre-se de que não existe dinheiro fácil. Apesar de algumas vezes o valor ser baixo, fazer transferências via Pix ou TED fazem com que alguns dados bancários sejam fornecidos para os criminosos, que podem utilizar em golpes futuros e possíveis tentativas de manipulação.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.