97 celulares foram roubados por hora no Brasil em 2021

Em sua totalidade, foram registrados 847.313 furtos ou roubos no país apenas em 2021

97 celulares foram roubados por hora no Brasil em 2021
Créditos: whistleout.com

Segundo veiculado pelo Portal UOL, no Brasil, no ano passado, a cada hora foram roubados ou furtados 97 celulares. As estatísticas foram compartilhadas pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública na última terça-feira, 28 de junho. Apenas em 2021, foram levados cerca de 2.321 dispositivos diariamente. Somando todos os casos registrados, 847.313 foram subtraídos durante o período mencionado — cerca de 21.390 equipamentos a mais, usando como base 2020.

Os crimes acontecem principalmente nas grandes cidades, e as autoridades ressaltaram um problema adicional: smartphones, normalmente, contém os dados bancários de um indivíduo, situação que pode potencializar as perdas. Vídeos capturados por câmeras de segurança estão se tornando mais comuns, como foi apontado em dezembro de 2021, na cidade de São Paulo, quando um homem aplicou um mata-leão em um indivíduo, para logo após um comparsa levar o aparelho que estava sendo utilizado — as informações foram suficientes para identificar e prender os envolvidos.

Ainda sobre a capital paulista, foram registrados 289.461 furtos e roubos apenas na região (em 2021), sendo o bastante para a cidade liderar o ranking de crimes do segmento. De acordo com o levantamento apresentado pelo Anuário de Segurança Pública, o índice representa 34% de todos os crimes do tipo no Brasil. Conforme mencionado anteriormente, uma questão que preocupa vítimas e autoridades é a vulnerabilidade em smartphones com dados bancários salvos.

Renato Sérgio de Lima, presidente do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, explica:

“Na prática, o sentimento de medo explodiu. Antes, o valor do prejuízo estava ligado apenas ao aparelho. Isso mudou, porque os criminosos conseguem acessar o conteúdo do celular. E a vida da gente está ali, com emails e até dados bancários. Com o PIX, o tamanho do prejuízo passou a ser gigantesco”.

Mesmo que os resultados não sejam positivos, os números obtidos em anos anteriores foram ainda maiores. Atribui-se o acontecimento ao início da pandemia, com o isolamento social mais severo na ocasião. Lima complementa:

“O crime de furto e roubo está ligado à própria lógica do crime de oportunidade, com circulação maior das pessoas pelas ruas. Como as pessoas voltaram a circular, a tendência é que esse tipo de crime volte a aumentar”.


Continua após a publicidade

(Créditos: noticias.uol.com.br)

Qual é a sua opinião sobre este assunto? Compartilha da mesma sensação de insegurança relatada por moradores da capital paulista? Exponha o seu ponto de vista nesta matéria e acompanhe as nossas redes sociais!

Via: noticias.uol.com.br

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.