China cogita uso de tecnologia antissatélite caso a Starlink represente uma ameaça

O estudo foi publicado na Modern Defense Technology

China cogita uso de tecnologia antissatélite caso a Starlink represente uma ameaça
Créditos: Getty Images / Theo Wargo / SimpleImages / futurezone.de

Pesquisadores na China estão cogitando desenvolver tecnologias antissatélite para “combater” os equipamentos da Starlink, da SpaceX, caso a rede da companhia se torne uma “ameaça à infraestrutura chinesa”. Este estudo, publicado na revista Modern Defense Technology, está sendo liderado pelo Instituto de Rastreamento e Telecomunicações de Pequim. Ren Yuanzhen, autor da proposta, afirma que o país precisa desenvolver essas alternativas, e complementa:

Uma combinação de métodos de destruição indireta (soft kill) ou direta (hard kill) deve ser adotada para fazer com que alguns satélites Starlink percam suas funções e destruam o sistema operacional da constelação.

 

A “constelação” citada, com mais de 2.300 unidades em funcionamento ao redor do nosso planeta, é um projeto da companhia para clientes militares e comerciais. Em um passado não tão distante, Musk foi visto com mais positividade pelos chineses; contudo, desde que começou a ampliar a atuação dos seus satélites, Tiangong, estação espacial chinesa, precisou desviar algumas vezes, em 2021, para evitar colisões com os equipamentos da empresa do bilionário — sendo este um dos argumentos, quando falaram sobre “os riscos à infraestrutura”.

Outro fator é que a integração dos equipamentos militares dos Estados Unidos com a Starlink aumentaria a velocidade de transmissão dos dados dos norte-americanos em mais de 100 vezes com o auxílio da conexão da SpaceX. A China afirma ter criado equipamentos de imagens terrestres que podem fotografar os dispositivos da empresa de Musk em órbita e em alta resolução; contudo, ainda não viabilizaram um sistema para interceptar os sinais emitidos

Como existe uma rede global de hardwares da SpaceX, seria necessário destruir ou inutilizar muitos, e não apenas unidades isoladas. De acordo com os idealizadores da iniciativa antissatélite: “isso requer algumas medidas de baixo custo e alta eficiência”. Até o momento, não existem indícios que as forças militares chinesas estão avançando nesta área.

20/05/2022 às 12:00
Notícia

Fotos da Estação Espacial Internacional revelam lado escuro d...

O evento aconteceu entre os dias 15 e 16 de maio

De toda forma, sinaliza que a potência econômica está de olho em eliminar quaisquer sinais de ameaças criados pela empresa com vínculos com o governo norte-americano em ascensão mundial.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: canaltech.com.br Fonte: futurezone.de
User img

Guilherme Pinheiro

Formado em jornalismo pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Fã de videogames desde os 6 anos de idade, sendo o seu hobby preferido desde então.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.