Espaçonave Boeing Starliner é aberta na Estação Espacial Internacional

Missão de cápsula atinge seu objetivo e "recebe" astronautas pela primeira vez

Espaçonave Boeing Starliner é aberta na Estação Espacial Internacional
Créditos: Reprodução/NASA TV

espaçonave Starliner, fabricada pela Boeing, acoplou na Estação Espacial Internacional (ISS) na sexta-feira e no sábado, seguindo o cronograma da missão, sua escotilha foi aberta pela primeira vez. A etapa marca um dos principais pontos do teste da cápsula espacial — o próximo será voltar com segurança para a Terra. No momento, há três naves acopladas na ISS

06/05/2022 às 14:00
Notícia

Carregado com energia solar, avião pode ficar meses voando

Avião poderá servir como um satélite "renovável" com diversas funções

Missão "não tripulada" terá duração de cinco dias

O primeiro astronauta a entrar oficialmente na Starliner durante uma missão espacial foi o americano Robert Hines, que também abriu a escotilha que dividia a espaçonave da ISS. Apesar de ser uma missão não tripulada, a Boeing instalou uma manequim nos assentos da Starliner. A manequim Rosie the Rocketeer tem seu nome em homenagem à personagem Rosie the Riveter (também conhecida como mulher do cartaz "We Can Do It"), criada na Segunda Guerra Mundial em apoio às mulheres americanas que assumiram as linhas de produção da indústria bélica após a partida dos homens para os fronts europeus e pacíficos. Na viagem de volta, Rosie the Rocketeer será colocada no assento de comandante. 

Starliner, que é uma das três espaçonaves acopladas na ISS atualmente (as outras são a Crew Dragon e Soyuz), deve ficar entre quatro ou cinco dias em na Estação. A NASA definirá nos próximos dias a melhor janela para o retorno da espaçonave da Boeing. O plano oficial é de que ela fique cinco dias em órbita e pouse no Novo México, mas isso depende das condições climáticas ideais e a agência espacial pode adiantar ou adiar o retorno.

Primeiros testes da Boeing falharam 

A missão de teste não tripulada do Starliner (cujo nome é inspirado em aeronaves da Boeing) foi lançada quinta-feira, dia 19 de maio, às 19h54, horário de Brasília. Esta é a principal fase do desenvolvimento da espaçonave, já que é o momento de validar todo o projeto e cumprir o contrato com a NASA para que o OFT-2 Starliner seja usada em viagens para a Estação Espacial Internacional — seu destino neste teste. A espaçonave foi lançada pelo foguete Atlas V e posicionada na plataforma de lançamento.


Créditos: Joel Kowsky/NASA.

Em 2019, a Boeing realizou o voo do OFT-1, que não conseguiu chegar na Estação Espacial Internacional (ISS). Em julho de 2021, um novo teste foi marcado, mas problemas em válvulas da Starliner impediram o lançamento. A Boeing e a NASA estão confiantes que os problemas foram resolvidos na OFT-2 Starliner.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Space
User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.