Estação Espacial Internacional (ISS) receberá astronauta dos Emirados Árabes Unidos em missão inédita
Créditos: Divulgação/NASA

Estação Espacial Internacional (ISS) receberá astronauta dos Emirados Árabes Unidos em missão inédita

Pela primeira vez na história, um tripulante do país passará 180 dias na principal estrutura do homem no espaço

Pela primeira na história, um astronauta dos Emirados Árabes Unidos passará 180 dias a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS) - a maior estrutura já montada pelo homem no espaço. O Centro Espacial Mohammed Bin Rashid (MBRSC), agência espacial do país, participará da missão comercial Crew-6, da NASA em parceria com a SpaceX, junto aos tripulantes Stephen Bowen, Woody Hoburg e mais um a ser definido.

Apesar de estar dando seus primeiros passos na exploração do universo, a nação árabe já realizou feitos notáveis: em 2019, enviou seu primeiro astronauta à ISS e, no ano seguinte, lançou a sonda Hope rumo à Marte para estudar o planeta vizinho da Terra - tornando-se o quinto país a visitar o planeta vermelho.

Os Emirados Árabes dispõem de planos ambiciosos para o universo em um futuro distante. Em 2021, eles fecharam parceria com a empresa privada japonesa ispace para mandar um rover à Lua com o objetivo de analisar a superfície de nosso satélite natural.

E para 2117, daqui a quase 100 anos, o país quer estabelecer uma base humana em Marte - esse considerado o projeto mais importante de suas missões espaciais.

Ainda não foi revelado o nome do tripulante emiradense que estará na missão como especialista. Eles serão enviados ao espaço a bordo de uma cápsula fabricada pela SpaceX, de Elon Musk, chamada de Crew Dragon, e o início das atividades está previsto para o começo de 2023.

Excluída da ISS, China também realizou longa missão em abril

Seguindo o padrão de '180 dias no espaço', três astronautas da China voltaram à Terra na metade de abril após passarem 183 dias no espaço. A missão - que foi a mais longa tripulada da história do país - foi chamada pela imprensa nacional de "experimento de ancoragem" de uma espaçonave de carga e fez parte da montagem da estação Tiangong,

O trio, formado pelos homens Zhai Zhigang e Ye Guangfu e a mulher Wang Yaping - primeira mulher da nação a realizar uma caminhada espacial - decolou em outubro de 2021 do deserto de Gobi.

Apesar de ter enviado seu primeiro astronauta somente em 2003 e de ter sido excluída da Estação Espacial Internacional (ISS), a China investiu com força na área desde a eleição de Xi Jinping, em 2013. No ano seguinte à sua posse, ele autorizou investimentos privados em tecnologias espaciais que resultaram em mais um pouso em Marte e coleta de amostras da Lua.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Forbes, IstoÉ, G1
User img

Fabio Tarnapolsky

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.