Polícia Civil e Ancine realizam operação contra sites de pirataria no Rio de Janeiro
Créditos: MSPJ/divulgação

Polícia Civil e Ancine realizam operação contra sites de pirataria no Rio de Janeiro

Operação 404 cumpre 13 mandatos em cinco cidades do RJ. Uma pessoa foi presa em flagrante

A Polícia Civil do Rio de Janeiro, em parceria com a Ancine (Agência Nacional do Cinema) deflagraram nesta terça-feira (19) uma nova ação da operação 404, cumprindo 13 mandados de busca e apreensão contra três sites de pirataria de TV, dois sites de streaming ilegal e um site de IPTV, em cinco cidades do Rio de Janeiro.

Veja Mais: Polícia prende 'Grávida de mentira' com eletrônicos na barriga

Veja Mais: Polícia de Londres prende integrantes de grupo que invadiu a Microsoft

A operação 404 recebe este nome devido ao erro 404 - referente a quando uma página da internet não é encontrada - e desde 2020 já realizou diversas ações contra a pirataria no Brasil. De acordo com as investigações, os sites ilegais podem ter gerado prejuízo acima de R$ 100 milhões com a violação de direitos autorais. 

Contador preso irá responder em liberdade

O contador Bruno da Silva Guimarães foi preso em flagrante, no seu escritório, onde os policiais encontraram um computador transmitindo conteúdo pirata. Ele pagou fiança de R$ 5 mil e vai responder em liberdade. O G1 entrou em contato com a defesa, que até o momento preferiu não se manifestar. Duas outras pessoas também foram encaminhadas à delegacia da Polícia Civil do Rio de Janeiro, mas foram liberadas logo após prestar depoimento.

A Policia Civil cumpre os mandados nas cidades do Rio de Janeiro, Duque de Caxias, Magé, Cabo Frio e Casimiro de Abreu. Segundo as investigações, os três sites de pirataria de TV e dois sites de streaming ilegal possuiam mais de 46 milhões de acessos às suas plataformas. O delegado Pedro Brasil, da Delegacia de Repressão aos Crimes contra Propriedade Intelectual, afirma que o conteúdo era vendido ilegalmente através de pacotes, ou distribuído gratuitamente, obtendo renda através de anúncios. "De acordo com as investigações, os alvos criavam centrais de distribuição onde vendiam os pacotes clandestinamente e violavam os direitos autorais".

A Policia Civil afirma que a operação 404 segue em andamento, investigando alvos suspeito e realizando o monitoramento do conteúdo distribuído na internet.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: G1, Agência Brasil
User img

Luiz Schmidt

Estudante de jornalismo na UFSC e Escritor. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Autor do livro Histórias de Amor Talvez Estranhas.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.