Atualize agora: Google lança update urgente para correção de falha de segurança
Créditos: Ruvic Dado Ruvic/Reuters

Atualize agora: Google lança update urgente para correção de falha de segurança

Brecha permite ciberataques com malwares e foi classificada como de "alta gravidade"

Se você está lendo este artigo utilizando o Google Chrome, temos uma recomendação a você: atualize-o imediatamente com a nova versão que falaremos aqui. Nesta quinta-feira (14), a Google lançou um update para seu navegador para corrigir uma grave falha de segurança, chamada "CVE-2022-1364".

A brecha está concentrada no mecanismo JavaScript V8 do Chrome, que o faz ler e gravar memória acima de seu limite - permitindo a escrita ou leitura de dados - e é explorada com frequência por hackers/crackers em MacBooks e PCs.

Geralmente, a falha leva apenas a um travamento do navegador, mas em casos mais graves, pode ser usada para execução remota de códigos sem que o usuário saiba. Com isso, seriam possíveis invasões com malwares ou roubo de dados.

Os detalhes de vulnerabilidade devem ser divulgados apenas depois que a atualização tenha chegado a um grande número de usuários, para não 'entregar' detalhes de segurança aos autores de ciberataques.

Saiba como checar e atualizar para a nova versão do Google Chrome

Como de costume, a atualização no software deve ser feita de forma automática para a versão 100.0.4896.127. Caso você esteja na dúvida se o update foi feito - e queira ter certeza de que está seguro - ou deseja fazer manualmente, siga os seguintes passos.

  1. Abra seu Google Chrome
  2. Clique nos três pontinhos no canto superior direito
  3. Selecione o menu "Ajuda", logo abaixo de configurações
  4. Clique em "Sobre o Google Chrome"

A página abaixo será aberta. Nela, você poderá checar qual a versão do navegador. No caso da imagem, já é a 100.0.4896.127. Se não estiver atualizada, clique na opção "Atualizar o Google Chrome" e, em seguida, em "Reiniciar".

A falha de segurança foi descoberta por Clément Lecigne, especialista do grupo de análise de ameaças da Google. A empresa não tem um bom começo de 2022 com seu já aclamado navegador, pois é a terceira brecha do tipo zero-day - quando já foi explorada para ataques antes de ser notada - no ano.

Continua após a publicidade

Apesar de ser considerada uma condição rara, levou a classificação de "alta gravidade" pelos potenciais comandos maliciosos aos PCs das vítimas. Não esqueça também de checar as versões de navegadores baseados no Chromium, caso você utilize um. São eles: Edge, Opera e Brave.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Canaltech, MacMagazine
User img

Fabio Tarnapolsky

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.