Cresce o número de usuários de iPhone que veem vantagens em ser rastreados

Cresce o número de usuários de iPhone que veem vantagens em ser rastreados

Apple lançou, junto ao iOS 14.5, recurso App Tracking Transparency, que da a opção de rastreio aos clientes para anúncios personalizados

Apesar de ter sido criticado por concorrentes em seu lançamento, o App Tracking Transparency, recurso da Apple para rastrear seus clientes - caso queiram - vem sendo bem cotado nos últimos meses. Recente relatório da plataforma de análise Adjust, divulgada pelo site 9to5Mac, apontou que 25% dos entrevistados optaram por utilizá-lo. Em maio de 2021, o número era de 16%.

O programa está disponível para iPhones e iPads e permitem que os criadores de aplicativos rastreiem a atividade do usuário para que recebam anúncios personalizados, semelhante aos cookies de internet. As estatísticas são ainda maiores para jogos, com 30% dos ouvidos permitindo o rastreio - em games populares, sobe para 75%.

O ATT chegou com o iOS 14.5 no ano passado e com duras críticas de rivais como o Facebook. No início, não parecia muito promissor, pois segundo a mesma pesquisa, somente 4% dos usuários nos Estados Unidos o utilizaram no primeiro mês.

Um dos motivos que possam explicar o aumento é a liberdade que a Apple dá para os desenvolvedores 'convencerem' seus clientes a permitirem ser rastreados. Pegue como exemplo um aplicativo gratuito: ele pode avisar a quem usá-lo que ter anúncios personalizados pode ajudar a mantê-lo de graça - e mexer no bolso sempre foi um forte argumento.

Taxas de consentimento tendem a crescer

De acordo com a Adjust, os usuários entendem melhor o valor do rastreio e de propagandas únicas. Com isso, as taxas de consentimento devem seguir altas e com tendência de crescimento caso o cenário não mude.

Os números podem representar um bom cenário para outras empresas também. Apesar de crítica da Apple, o Facebook poderia utilizá-lo de alguma forma para recuperar o espaço perdido. Em 2022, a Meta, de Mark Zuckerberg, perdeu cerca de US$ 12,8 bilhões (cerca de R$ 60 bilhões) por conta do ATT.

Outros recursos do grupo, como Snapchat, Twitter e YouTube também foram impactados.

Junto à opção de poder ser rastreado, a Apple defende proteções de privacidade mais fortes e luta para impedir a consolidação de lei que permitiria baixar aplicativos de terceiros fora da App Store, sua loja online oficial.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: phoneArena
User img

Fabio Tarnapolsky

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.