Força Espacial dos EUA planeja sistema de reabastecimento para satélites em órbita
Créditos: PIXABAY

Força Espacial dos EUA planeja sistema de reabastecimento para satélites em órbita

Projeto de US$ 50 milhões tentará atracar máquinas a navios-tanque, em tecnologia revolucionária

Pensando em prolongar a vida útil dos satélites em órbita, a Força Especial dos EUA (USSF) planeja lançar três pequenas máquinas que tentarão atracar com um navio-tanque de prepolente e, assim, possam ser reabastecidos no espaço. O experimento custará cerca de US$ 50 milhões (R$ 235,37 milhões)

De acordo com o coronel Joseph Roth, em entrevista ao site SpaceNews, o objetivo do projeto é testar peças de infraestrutura de reabastecimento e ajudar o comando nas pesquisas de como utilizar tecnologias comerciais nos satélites, principalmente os geoestacionários - normalmente caros para serem substituídos.

Veja também: Satélite sofreu ataque hacker durante a guerra entre Rússia e Ucrânia

“Se pudermos obter combustível como serviço, não precisaremos construir a infraestrutura em órbita e podemos nos concentrar na proteção dos satélites”, disse o militar.

O experimento não ajudaria apenas no âmbito espacial mas também serviria de reforço à segurança dos Estados Unidos, já os satélites não costumam ser manobrados por consumirem muito combustível.

"Serviços, manobras, reabastecimento, essas são todas as coisas futuras que estamos explorando", disse o General de Brigada Stephen Purdy, diretor executivo do programa de acesso garantido ao espaço da USSF, conforme relatado pelo SpaceNews.

"A visão que tenho para toda essa organização é ser conhecida como ‘comando de mobilidade aérea para o espaço'. Serviços e manobras em órbita estão na doutrina central da Força Espacial. Na verdade, nunca tivemos o dinheiro real do programa alocado."

'Sonho' que pode virar realidade com avanço da tecnologia

Em relação ao desenvolvimento, o planejamento constitui em um fabricante desenvolvendo os três satélites, que serão chamados de Tetra-5A, Tetra-5B e Tetra-5C. Além do objetivo principal do reabastecimento, o projeto também quer demonstrar a inspeção de "objetivos especiais residentes não cooperativos".

Continua após a publicidade

Veja também: 20 imagens incríveis capturadas pelo telescópio espacial Hubble

Esses são temas de discussão há alguns anos e o avanço do hardware das máquinas para interoperável permitiu os avanços e tornar as intenções em realidade.

“Parte do primeiro passo é chegar a padrões que possam ser utilizados para que possamos conectar reabastecedores a satélites", comentou o General de Brigada Tim Sejba. "[Assim] podemos projetar isso no sistema geral daqui para frente", concluiu.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: SpaceNews
User img

Fabio Tarnapolsky

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.