Combustível de foguete espacial forma bela imagem no céu
Créditos: Divulgação/Alaska Aurora Cam

Combustível de foguete espacial forma bela imagem no céu

Orbe luminoso foi visto em noite de aurora boreal no Alasca

Imagine a situação: você está em um lugar remoto no Alaska, estado norte-americano que, reza a lenda, tem mais ursos que bares. O seu objetivo é ver a aurora boreal, mas você ganha um extra: um gigantesco globo de luz meio roxo, meio azulado surge no céu. Você não sabe o que é aquilo. Obviamente, costuma questionar se foi um algum alienígena entrando na Terra. Mas claro, quase tudo tem uma explicação científica. 

13/04/2022 às 12:45
Notícia

Apple divulga vencedores do concurso de fotografia "Shot...

Concurso era exclusivo para imagens macro registradas pelos iPhone 13 Pro e Pro Max

"Bola maior que a lua"

A imagem foi registrada no dia 29 de março pelo fotógrafo Leslie Smallwood, natural de Fairbanks, Alasca. Segundo Smallwood, o globo de luz tinha um diâmetro maior que o da Lua e seguiu na direção nordeste-sudoeste no céu do Alasca. "Parecia que tinha algo girando dentro da bola quando eu dei zoom. E tinha uma pequena cauda. Não foi como se fosse atirado pelo ceú. Era como se ele estivesse esperando o tempo dele", contou o fotógrafo.

A imagem também foi registrada pelo casal Ronn Murray e Marketa Murray. Eles são os responsáveis pelo projeto "The Aurora Chasers", um sistema de câmera que tira fotos do céu a cada 45 segundo para registrar as auroras. Apesar de no início soar como algo inexplicável, há uma explicação: um foguete chinês.

Foguete chinês soltando combustível

De acordo com Jonathan McDowell, astrônomo do Harvard Smithsonian Center for Astrophysics, o horário da explosão bate com o voo de um foguete chinês. "O foguete Longmarch 6A foi lançado no dia 29 de março, na China, colocou em órbita dois satélites e, calculando sua órbita, ele passou sobre a região aproximadamente 350 milhas acima do momento que a imagem foi registrada", explicou McDowell. O cientista também explicou que a luz se deu pelo fato do foguete soltar seu combustível. Ele congelou na atmosfera e refletiu a luz solar".

aurora boreal/austral costuma acontecer nos polos da Terra. Quando vento solar traz partículas extremamente carregadas de elétrons para a Terra, estas se chocam com nosso campo magnético e são defletidas para os polos, formando as famosas luzes brilhantes e dançantes no céu.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Peta Pixel
User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.