Por segurança, Google vai ocultar apps antigos e desatualizados na Play Store
Créditos: Divulgação | Google

Por segurança, Google vai ocultar apps antigos e desatualizados na Play Store

Entenda os impactos do novo direcionamento no ecossistema Android

O Google anunciou oficialmente, na última quarta-feira (6), que irá limitar as buscas de downloads de apps desatualizados ainda acessíveis por meio da Play Store - sua loja online para o ecossistema Android. O objetivo da modificação é aumentar a segurança dos usuários da plataforma, que terão acesso facilitado aos softwares atualizados e com um nível de API maior - ou seja, mais recentes e feitos com ferramentas modernas.

Os usuários de dispositivos antigos, ou com o sistema operacional desatualizado, poderão acessar os aplicativos compatíveis com os seus respectivos aparelhos. A atualização afetará apenas os itens que podem ser visualizados em celulares modernos. Então, para simplificar a questão: donos de smartphones mais antigos continuarão tendo acesso normalmente aos seus apps; donos de celulares mais modernos terão acesso aos softwares com um nível de API de, pelo menos, dois anos anteriores ao último lançamento do Android.

Para quem não sabe o que é o "nível de API", basicamente significa que cada nova versão do sistema operacional possui um nível mais alto. O Android 12 corresponde ao nível 31 e o 11 ao nível 30, por exemplo. Um dos objetivos é exigir que o desenvolvedor não abandone apps antigos, se quiser que continuem relevantes - e, consequentemente, aumentando a proteção dos clientes. Softwares desatualizados podem conter brechas de segurança exploradas por hackers, o que é um grande problema para o indivíduo que tem instalado um produto no seu smartphone.

(Créditos: Ilustração / pixabay.com)

Segundo Krish Vitaldevera, diretor de gerenciamento de produto do Google:

"Os usuários com dispositivos mais recentes ou com as atualizações do Android em dia esperam usufruir de todo o potencial das proteções de privacidade e segurança que o sistema operacional tem a oferecer. A expansão de nossos requisitos de API de nível de destino protegerá os usuários de instalar aplicativos mais antigos que podem não ter essas proteções em vigor".

Para a equipe responsável pelos aplicativos, o Google informou que será possível pedir uma extensão de seis meses, se não tiver atualizado até o dia 1 de novembro. De acordo com a empresa, grande parte dos itens disponíveis na Play Store seguem as novas diretrizes.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: techtudo.com.br
User img

Guilherme Pinheiro

Formado em jornalismo pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Fã de videogames desde os 6 anos de idade, sendo o seu hobby preferido desde então.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.