Conta de luz deve ficar até 20% mais barata após fim da bandeira de escassez hídrica
Créditos: iStock

Conta de luz deve ficar até 20% mais barata após fim da bandeira de escassez hídrica

Medida é válida a partir do dia 16 de abril e elimina cobrança adicional de R$ 14,20 a cada 100 mWh consumidos

O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) anunciou nesta semana que a bandeira tarifária de escassez hídrica, prevista para ser encerrada no dia 30 de abril, será encerrada mais cedo, no dia 16 de abril. A boa notícia é que com isso a conta de luz deve ficar até 20% mais barata.

Com isso, os brasileiros passarão a pagar a conta de energia sob a bandeira verde, que não implica em cobrança adicional. Essa cobrança extra vem sendo aplicada nas contas de luz desde setembro de 2021, como uma medida para desestimular o consumo durante um período de baixa nos reservatórios.

Veja também: Funcionário público rouba eletricidade e transforma prefeitura em mineradora de Bitcoins

O que muda para o consumidor?

Os impactos da adoção da bandeira verde deverão ser percebidos pelos consumidores apenas nas faturas com pagamento para o mês de junho. A partir de 16 de abril deixará de ser cobrado o valor de R$ 14,20 a cada 100 mWh consumidos. As faixas tarifárias variam de estado para estado, mas com a bandeira verde qualquer cobrança extra relacionada ao tema deixa de existir.

Bandeira tarifária de energia elétrica - Reprodução/G1

"Com a redução de custos, o Governo Federal antecipou o fim da bandeira escassez hídrica para 15 de abril. E mais, com a manutenção das atuais condições de chuva, a perspectiva é de bandeira verde até o final do ano", diz material divulgado pelo Ministério das Minas e Energia (MME).

Segundo o Governo Federal, o bom nível de chuvas nos últimos meses combinado com a adoção de medidas emergenciais permitiu reduzir o acionamento das usinas termelétricas – cuja geração de energia é mais cara e mais poluente do que as usinas hidrelétricas. O MME estima ainda uma queda média de 20% no valor final das contas.

Veja também: Câmara aprova projeto sobre taxas para micro e minigeradores de energia

Portanto, para deixar mais claro: até 16 de abril o consumo será calculado sob a bandeira vermelha. A partir de então, passa a ser calculado na bandeira verde. Dependendo da data de fechamento da leitura do seu relógio, talvez seja possível sentir impactos já na conta de luz do mês de maio, mas o mais certo é que a diferença virá somente no mês de junho.

Continua após a publicidade

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: G1
User img

Wikerson Landim

Jornalista desde 2003, atualmente é Editor dos sites Mundo Conectado e Adrenaline. Em quase duas décadas, foi editor de diversos sites de tecnologia, games e entretenimento, além de produtor de conteúdo para sites corporativos. Nas horas vagas assume o volante para dirigir caminhões no Euro Truck e em todos os jogos de corrida que surgirem pela frente.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.