Drone de entrega da Amazon caiu e gerou incêndio nos EUA de acordo com FAA
Créditos: Reprodução/Amazon

Drone de entrega da Amazon caiu e gerou incêndio nos EUA de acordo com FAA

Empresa revela que acidente no estado de Oregon não teve feridos

Um relatório da Federal Aviation Administration (FAA) revelou recentemente que um drone de entrega da Amazon (MK27) caiu e causou um incêndio no leste do estado americano de Oregon. Segundo as informações, o acidente no voo de teste que aconteceu em junho do ano passado fez vários hectares de um campo pegar fogo. 

04/04/2022 às 16:12
Notícia

Já viu uma fábrica da Tesla? Confira passeio incrível de dron...

Podemos ver os robôs e ferramentas que a empresa usa para produzir seus veículos elétricos

A federação revelou no documento, que os motores do drone falharam, fazendo que o mesmo despencasse em queda livre a 160 pés (48 metros) no local. Com a queda, a bateria de lítio fez com que o equipamento pegasse fogo quando entrou em contato com o solo.

Apesar de tirar o nome da Amazon do relatório, a FAA revelou que o acidente se referia ao drone MK27, modelo experimental de entrega Prime Air da Amazon, lançado em 2013. O documento ainda cita um vídeo (não divulgado) que mostra a queda livre descontrolada do equipamento em um campo de restolho de trigo, causando o incêndio.

Apesar de ter sido criado há nove anos, o Prime Air ainda não realizou nenhuma entrega comercial. Em comparação, os drones Wing, do Google já fizeram mais de 100 mil entregas.

Pronunciamento da Amazon

De acordo com o DroneXL, a empresa revelou: “A prioridade número um da Prime Air é a segurança. Realizamos testes extensivos para coletar dados que melhoram continuamente a segurança e a confiabilidade de nossos sistemas e operações. Durante esses testes, nossos drones voam sobre faixas estéreis para garantir que nossos funcionários estejam protegidos contra possíveis lesões.”

A empresa ainda diz: “Seguimos procedimentos minuciosos sobre como os testes de voo são conduzidos e como respondemos a qualquer incidente. Neste caso, realizamos um teste com a máxima cautela, como é normal na indústria da aviação. Nenhum funcionário ou membro da comunidade estava em risco e a equipe seguiu todos os procedimentos de segurança e requisitos de relatórios apropriados.”

“Nosso foco permanece em inovar em nome de nossos clientes e escalar um serviço seguro e confiável. Recebemos a certificação Part 135 Air Carrier da Federal Aviation Administration em agosto de 2020 – um marco importante que nos proporcionou ainda mais oportunidades para continuar melhorando o serviço.”, finalizou um porta-voz da Amazon. 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: DroneXL
User img

André Lindsay

Natural de São Paulo, André é um publicitário formado em 2020 e atualmente trabalha como redator nos sites Adrenaline e Mundo Conectado. Além da paixão pela escrita e pelo mundo da tecnologia, um dos seus grandes sonhos é se tornar dublador.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.