Google Chrome chega na versão 100 para Android e desktop com nova logo
Créditos: 9to5google.com

Google Chrome chega na versão 100 para Android e desktop com nova logo

Outras novidades também estarão presente na atualização do famoso navegador

Finalmente o Google Chrome chegou na versão 100. Depois de muitas especulações e preparo por parte dos desenvolvedores para evitar bugs críticos, o famoso navegador foi lançado com uma novidade interessante, porém sutil: o ícone tradicional do browser foi levemente alterado. Veja:

Fora esse redesign, agora é possível checar os resultados de uma busca usando o menu lateral, não sendo mais preciso abrir a página completa para ter acesso ao resultado desejado; o retorno da opção de poder silenciar abas (muito comum em concorrentes diretos, e uma opção útil para quem tem o costume de abrir várias abas com conteúdos diversificados) e, também, aprimoramento no uso de monitores externos.

Confira as informações compartilhadas diretamente pelo Google, assim que você atualiza o software:

(Créditos: Mundo Conectado)

Algumas modificações relevantes (mas que muitos usuários podem não perceber inicialmente) é que agora será apresentado um aviso quando apertar para fechar diversas abas simultaneamente, evitando acidentes que podem afetar a produtividade - principalmente em ambientes corporativos. Fora isso, teremos aprimoramentos na string agent e, para os usuários de Android e iOS, não estará mais disponível a opção de economia de dados.

Mesmo que todas as funcionalidades sejam bem-vindas, um tópico que ficou em destaque nos últimos meses, sobre a chegada das versões de número 100 não só do Chrome, mas também do Mozilla Firefox (que disponibilizará o update no dia 3 de maio), foi o possível problema de compatibilidade que muitos sites poderiam ter com as atualizações dos navegadores. A situação já foi explicada aqui, no Mundo Conectado, mas é válido ressaltar: quando o browser conecta em um site é enviada uma requisição chamada de user-agent. Até então, como não existia um padrão predeterminado, muitos sites não estavam adaptados para receber uma requisição de três caracteres.

Até a versão 99, a requisição era de dois caracteres. Para encurtar a história, isso resultaria em um problema que impediria que o navegador acessasse o domínio que não tivesse condições de se adaptar à característica da atualização. A equipe responsável pelo Chrome trabalhou ativamente nos últimos meses para evitar quaisquer complicações; contudo, ainda será necessário que alguns sites sejam atualizados para que funcionem normalmente.

Continua após a publicidade

17/02/2022 às 16:32
Notícia

Chrome e Firefox poderão "quebrar" sites nas suas p...

Ambos os browsers irão atingir a versão 100 e isso pode ocasionar bugs durante conexão entre navegado...

Quem tiver interessado em testar agora mesmo, basta atualizar o seu aplicativo já instalado. Caso ainda não tenha instalado, o download está disponível no site oficial.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: wccftech.com, macmagazine.com.br, droid-life.com, 9to5google.com
User img

Guilherme Pinheiro

Formado em jornalismo pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Fã de videogames desde os 6 anos de idade, sendo o seu hobby preferido desde então.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.