Após 5 semanas de desastre causado por vulcão, Tonga volta a ter internet
Créditos: Divulgação/Unicef/NOAA

Após 5 semanas de desastre causado por vulcão, Tonga volta a ter internet

Reparo dos cabos demorou bem mais do que o previsto

Você é capaz de ficar um dia sem internet? E cinco semanas? Pois esse foi o tempo total que a população de Tonga, pequeno país ilhéu no pacífico, ficou sem acesso à rede após a erupção do vulcão Hunga Tonga. O país estava utilizando a internet via satélite de maneira limitada, mas desde que o reparo foi finalizado, o acesso no país subiu vertiginosamente. 

18/02/2022 às 13:43
Notícia

Recordista? Fumaça de vulcão de Tonga passou atingiu a mesosfera

Altura da nuvem do Hunga Tonga pode ser recordista desde início de medição por satélite

Companhia telefônica do país confirmou reparos em cabo submarino

A Digicel Tonga, empresa de de telefonia do país, confirmou em seu site oficial o reparo do único cabo submarino que conecta o país à internet. Segundo a companhia, o cabo sofreu falhas por uma extensão de 80 km (o cabo mede 830 km) e o navio e submarino responsável pelo conserto passou mais de duas semanas realizando a tarefa. Anthony Seuseu, CEO da Digicel, também reconheceu que a erupção do Hunga Tonga ensinou que é necessário aumentar o investimento e melhorar a conexão do país, se preparando para futuras catástrofes naturais. Os reparos dos cabos de internet em terra demorará de seis a nove meses.

A Cloudfare publicou um gráfico mostrando o aumento do acesso à internet em Tonga após o retorno da conexão por cabo no país.

 

 

Previsão era de ficar sem internet por até quatro semanas

 

O cabo submarino, medindo 830 km, é conectado à Tonga por uma rota que passa por Fiji, outro país formado por um arquipélago. A conexão com Fiji é a única fonte de internet do país, mas, segundo a Reuters, o cabo foi rompido na fortíssima erupção do vulcão Hunga Tonga. Para consertar o cabo submarino, o navio especializado em reparos precisou sair de Papua Nova Guiné e demora alguns dias para chegar em Tonga. Depois disso, a equipe de reparos dependeu da condição do vulcão para trabalhar. Afinal, você não quer correr o risco de mergulhar estando próximo de uma erupção submarina. Essa foi a parte que ninguém pode fazer nada além do cansativo "senta e espera".

Sobre a erupção do Hunga Tonga

 

Continua após a publicidade

 

No dia 14 de janeiro, o vulcão Hunga Tonga entrou em erupção, causando um grande estrago nas ilhas de Tonga, país formado um arquipélago localizado no Oceano Pacífico (a ironia da vida). Além do tsunami causado pelo vulcão, que inundou diversas ilhas do país, causou cinco mortes (sendo duas no Peru) e deixou o território coberto de cinzas, o estrago atingiu o único cabo submarino que conecta Tonga à internet, deixando o país incomunicável, sem nem mesmo informações das autoridades governamentais. A conexão, até o momento, foi restaurada por internet via satélite. Não foi confirmado se a SpaceX finalizou as obras para deixar a sua conexão operante no país.

Além do vulcão e tsunami, as equipes de resgate enviado ao país causaram um surto de COVID-19. Tonga só havia registrado seu primeiro caso em outubro de 2021.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Gizmodo
User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.