Índia bane Free Fire e outros 53 aplicativos de empresas chinesas
Créditos: Divulgação/Garena Free Fire

Índia bane Free Fire e outros 53 aplicativos de empresas chinesas

Jogo é é um dos mais populares do Android e tem ligação com a Tencent

Vizinhos podem ter relações amistosas ou problemáticas. Seja no quesito residencial ou em relações internacionais. E os vizinhos Índia e China já passam por uma relação conturbada a algum tempo.

29/11/2021 às 16:05
Notícia

Escolha da Play Store: os melhores games para Android de 2021

Loja da Google nomeou o Pokémon UNITE como o melhor jogo da plataforma

Decisão da Índia tem origem em disputa territorial

As brigas territoriais e conflitos (de faca e porrada, sério) que aconteceram em junho de 2020 refletiram nas decisões do governo Indiano de banir aplicativos de empresas chinesas, ou com relações com o país. O ministério de eletrônicos (tradução livre) e TI da Índia já comunicou o Google sobre os banimentos e os aplicativos não estão mais disponíveis na Play Store. A confirmação veio de um representante da empresa. As desenvolvedoras dos apps banidos também foram informados do ocorrido. Veja a lista de aplicativos chineses bloqueados na Índia.

O banimento mais "famoso" é do Garena Free Fire, um dos jogos mobile mais populares do mundo e muito lucrativo no mercado indiano. De acordo com a App Annie, empresa de análise de mercado, o Free Fire foi o jogo mais rentável no país no terceiro trimestre de 2021. Também em 2021, no mês de dezembro, o jogo foi o mais baixado do mundo. Garena, a publicadora de Free Fire, é subsidiária da Sea. Ambas são baseadas em Singapura, mas a chinesa Tencent, maior empresa de jogos do mundo, é uma das investidoras da Sea, sendo dona de 18,7% dela, a maior acionista da companhia.

Outro aplicativo banido foi o Beauty Camera, app de filtros para fotos. Entre os outros 53 aplicativos banidos estão reprodutores de mídia, outros jogos e o Dual Space, app para duplicar softwares de conta única, como o WhatsApp.

Novos banimentos da índia

 

A maioria dos banimentos são versões clones ou reformuladas de aplicativos bloqueados em julho de 2020, quando a Índia baniu 59 apps chineses após o conflito na fronteira de Ladaque, uma região disputada entre a China e Índia. Em junho daquele ano, tropas dos dois países se atacaram em combates armados, não só com armas de fogo, mas também com porretes e pedras. No total, mais de 60 soldados (somando os dois países) morreram. Na retaliação virtual, a Índia baniu o WeChat e o TikTok.

Continua após a publicidade

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Android Central
User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.