Peter Thiel, um dos primeiros investidores do Facebook, está deixando a empresa
Créditos: Techcrunch

Peter Thiel, um dos primeiros investidores do Facebook, está deixando a empresa

Thiel deixa o seu cargo depois de mais de 17 anos

Foi informado pela manhã que Peter A. Thiel deixará o conselho de Diretores do Grupo Meta (antes conhecida como "Facebook"), depois de mais de 17 anos ocupando o cargo. A sua trajetória profissional começou, nessa ocupação, em 2005. Com essa decisão, Thiel decidiu não concorrer novamente à reeleição.

28/10/2021 às 14:46
Artigo

Meta e o Metaverso: os planos de Zuckerberg para o futuro das...

Combinar realidade aumentada e virtual para conectar pessoas surge como principal desafio

Além do cargo no grupo, também foi um dos fundadores do PayPal - a empresa de pagamentos online que atua em inúmeros países atualmente e, entre eles, o Brasil.

Mark Zuckerberg, o famoso CEO, agradeceu a Peter pela sua participação durante esse longo período. Mesmo após essa decisão, ainda será um acionista da gigante da tecnologia.

Thiel participará ativamente da política norte-americana

A decisão foi tomada para que Thiel possa participar ativamente das campanhas de partidos republicamos, nas eleições que acontecerão nos Estados Unidos em novembro.Atualmente, o figurão é um dos principais apoiadores de Donald Trump.

Anteriormente, o empresário norte-americano se envolveu em diversos assuntos polêmicos, porém, Zuckerberg manteve o apoio - para que pudesse continuar fazendo parte do Conselho da megacorporação.

04/10/2021 às 17:22
Notícia

Dados de 1,5 bilhão de usuários do Facebook são vendidos na d...

Vazamento de dados não tem relação com problemas nas redes do Facebook

Continua após a publicidade

Essa decisão entrará em vigor depois da reunião anual dos acionistas, que normalmente acontece no mês de maio.

A informação veio em um período conturbado do grupo Meta, que enfrenta uma série de dúvidas, em relação ao seu futuro, com a questão da regulação de dados. As novas regulamentações da União Europeia podem fazer com que os serviços oferecidos naquela região, como o Facebook e o Instagram, deixem de ser viáveis futuramente.

A ação da companhia recuava 1,92% durante esta manhã, no pré-mercado da Nasdaq - importante bolsa de valores dos Estados Unidos.

O grupo passou um longo período expandindo em um ritmo acelerado - por 18 anos. Porém, com as polêmicas recentes, sinais de estagnação foram observados em documentos divulgados na última quarta-feira, 02 de fevereiro. O Facebook perdeu mais de 500 mil usuários (no mundo inteiro) nos últimos três meses de 2021.

Apesar de ter se firmado no mercado por meio da Rede Social, o grupo possui outros grandes produtos dentro do seu leque, pois adquiram, entre muitos outros, nomes extremamente relevantes, como o Instagram e WhatsApp.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: noticias.uol.com.br, msn.com, terra.com.br, cnnbrasil.com.br, theverge.com
User img

Guilherme Pinheiro

Formado em jornalismo pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Fã de videogames desde os 6 anos de idade, sendo o seu hobby preferido desde então.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.