Motorista que sofreu acidente fatal com Tesla Model S teve 7 segundos para assumir o AutoPilot

Motorista que sofreu acidente fatal com Tesla Model S teve 7 segundos para assumir o AutoPilot

Investigações sobre o acidente fatal que aconteceu envolvendo um veículo Tesla Model S mostraram que o motorista teve sete segundos para assumir a direção antes que a batida acontecesse. O cálculo foi feito pela National Highway Traffic Safety Administration (NHTSA), que declarou que a pessoa que estava na direção teve tempo para realizar alguma "ação". 

Carros da Tesla capazes de serem 100% autônomos começam a receber update do Autopilot

"Não sabemos o que o motorista estava fazendo durante os segundos em que poderia ter assumido a direção", disse o órgão responsável pela investigação. Também foi determinado que batidas com características semelhantes têm, em média, um tempo de reação menor para o motorista e o sistema inteligente detectarem e responderem à colisão. 

Acidente fatal com Tesla em Autopilot teria acontecido acima do limite de velocidade

A avaliação do acidente pela NHTSA concluiu que o Autopilot, sistema de piloto semi-automático da Tesla, requer uma atenção contínua do motorista, pois ele precisa estar preparado para reagir à casos como este. "O Autopilot é um sistema de assistência, que não substitui a capacidade de direção do motorista ou suas funções", frisou a NHTSA.

Piloto automático da Tesla detecta acidente e para o carro antes da batida acontecer

User img

Redação MC

Redação do Mundo Conectado

Semana BLACK FRIDAY: 7 DICAS para COMPRAR MUITO BARATO na INTERNET!

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.