Plano Hi-Fi do Spotify, prometido para 2021, não tem mais previsão de lançamento
Créditos: Divulgação/Spotify

Plano Hi-Fi do Spotify, prometido para 2021, não tem mais previsão de lançamento

Atraso foi divulgado aos acionistas em meio a toda a confusão com o podcast de Joe Rogan e o músico Neil Young

03/02/2022 às 15:30
Notícia

Condemúsica: deputado propõe tributo sobre serviços de stream...

Nova tributação está em tramitação e prevê alíquotas de 1% a 4% sobre rendimento bruto das plataformas

Parece que os usuários do Spotify terão que aguardar mais algum tempo para poderem desfrutar de áudio com qualidade de CD na plataforma. O plano HiFi, que inicialmente tinha lançamento previsto para novembro de 2021, foi adiado por tempo indefinido. 

Nesta quarta-feira (02), durante a apresentação de resultados da empresa referentes ao último trimestre e ao ano de 2021, o CEO do Spotify Daniel Ek afirmou que o atraso no lançamento do plano HiFi está ligado a problemas de licenciamento das músicas. Ek disse não ter muito para compartilhar com os investidores e analistas no momento, mas ressaltou que as negociações estão em andamento.

Nas palavras do CEO, "muitos dos recursos que nós [Spotify] comentamos, especialmente aqueles ligados à música, acabam no licenciamento". Ele completou dizendo não poder entrar em detalhes específicos, senão dizer que estão "em constante diálogo com os parceiros para trazer o recurso ao mercado".

Spotify

Concorrência sai ganhando

A intenção do Spotify em lançar um plano HiFi foi revelada já em fevereiro de 2021, com a promessa de que os assinantes poderiam ouvir suas músicas prediletas com qualidade de CD, em formato Lossless (sem perdas). 

De acordo com as fontes ouvidas, a modalidade HiFi seria um plano acima da modalidade Premium, trazendo custos extras para os interessados. Essa estrutura foi bastante questionada, principalmente depois que concorrentes como o Apple Music passaram a oferecer áudio lossless em suas plataformas sem custos adicionais para os consumidores. 

No caso do serviço de streaming de áudio da Apple, os assinantes ainda têm recursos como áudio espacial e mixagens em Dolby Atmos, lançados em maio do ano passado. 

Continua após a publicidade

Joe Rogan se posiciona sobre as acusações

Mais problemas para o Spotify

Recentemente, o Spotify tem sido alvo de uma série de polêmicas envolvendo os podcasts de Joe Rogan, que em um de seus episódios teve convidados categorizados como "anti-vacina". Artistas como Neil Young exigiram a retirada de Rogan da plataforma, algo prontamente recusado pelo Spotify. 

Como resposta, Young deixou o serviço de streaming afirmando que não aguentava mais a "péssima" qualidade de áudio proporcionada pelo Spotify - em termos bem menos amigáveis que os escritos aqui. Essa briga custou 4 bilhões de dólares em valor de mercado à empresa, que parece estar tentando contornar a situação para não perder seu principal podcaster e outros grandes artistas. 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Tech Crunch
User img

Igor Pankiewicz

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.