Tesla realiza mais um recall de veículos: 53.822 carros com problemas
Créditos: Divulgação/Tesla

Tesla realiza mais um recall de veículos: 53.822 carros com problemas

Motivo de novo recall é sistema de autodireção não parando em cruzamentos

Tesla, fabricante de carros elétricos, fez mais um recall de seus veículos. Dessa vez, todas as versões dos carros fabricados foram chamados para uma atualização de firmware com o objetivo de encerrar a atitude do carro arrancar em cruzamentos e outras travessias de via sem parar por completo. No total, a Tesla terá corrigir o problema em 53.822 veículos.

31/01/2022 às 15:59
Notícia

Influenciador com mais de 14 milhões de seguidores é processa...

Xiaogang Xuezhang é acusado de difamação após compartilhar vídeos que apresentam problemas com o Model 3

Model 3 de novo no recall, assim como seus irmãos

Model 3 atingiu a coincidente marca de três recalls no período de 7 meses. O resto da linha de veículos elétricos da Tesla são Model X, Model S e Model Y. 53.822 carros, de todas as versões fabricadas pela empresa de Elon Musk, terão que ser atualizados para modificar uma das "funcionalidades" do modo "Assertivo" de autodireção. Esse modo permite que o veículo dirija de maneira mais rápido, não apenas pela velocidade, mas por algumas ações. A ação que a será corrigida é o que é chamado de rolling stop em inglês: arrancar o carro sem ele ter parado completamente. Se um Tesla aproxima de uma intersecção a menos de 9 km/h e não detecta nenhum obstáculo antes da parada obrigatória, continuará nessa velocidade até iniciar a travessia da estrada. O órgão americano responsável pelo trânsito no país considerou a funcionalidade inseguro e pediu para a Tesla remover.

Sétimo recall da Tesla

O novo recall da fabricante é o sétimo desde novembro de 2020, totalizando mais de 690.000 carros a serem reparados ou "corrigidos". Em novembro de 2020, a Tesla emitiu um chamado para 9.136 Model X (anos 2015 e 2016). Só em 2021 a fabricante realizou cinco recalls

Em fevereiro ela realizou um recall de 135.000 Model S sedãs (anos 2012-2018) e Model X SUVs (anos 2016-2018). O motivo não foi grave, mas problemas no processador do computador de bordo gerava uma falha no touchscreen. Também fevereiro, 12.300 Model X passaram por recall na Alemanha por riscos dos acabamentos dos carros soltarem. A causa era problema na cola das peças.

Em junho já houve um caso mais perigoso: 6.000 Model 3 (anos 2019-2021) e Model Y (2020-2021) tiveram problemas nos parafusos das pinças do freio. Já em outubro mais problemas nos parafusos dos Model 3 e Model Y, dessa vez nas peças localizadas na suspensão dianteira dos veículos. Aqui foram chamados mais 3 mil carros. 

Para encerrar 2021, a Tesla realizou o recall de mais 475.00 veículos. A tampa do porta-malas dianteiro de 119.009 Model S podia abrir com o carro em movimento. Enquanto 356.309 Model 3 fizeram parte do mesmo recall por causa do capô do porta-malas traseiro: o abre e fecha do capô desgastava um cabo da câmera traseira, o que leva a inutilização da funcionalidade e perda da visão da manobra de ré na tela.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.