"Raquetada to Survive": Netflix produzirá documentário sobre tour de tênis
Créditos: Divulgação/Netflix

"Raquetada to Survive": Netflix produzirá documentário sobre tour de tênis

Produção será a mesma de Drive to Survive, documentário sobre a temporada de Fórmula 1

Se você gosta de documentários esportivos e é fã do Drive to Survive, prepare-se: a Netflix anunciou a produção de um documentário esportivo que acompanhará a temporada de tênis de 2022. Ainda sem nome, o "Raquetada to Survive" será produzido pela Box to Box Films, a mesma produtora de Drive to Survive. As gravações começaram com uma ótima polêmica no Australia Open (AO).

15/01/2022 às 13:02
Notícia

Netflix começa 2022 aumentando preços das assinaturas nos Est...

Plano Básico aumentou para US$ 9,99 e Plano Padrão agora custa US$ 15,49

Universo do tênis pode ganhar novos fãs

Netflix disse em seu site que o documentário mostrará os bastidores dos quatro Grand Slams de tênis, tanto do masculino quanto do feminino. Esses Grand Slams são: Australia OpenRoland GarrosWimbledon e US Open. Para quem não é familiarizado com o esporte, esses quatro eventos são os principais da temporada do tênis. A Netflix fez uma parceria com a ATP Tour (tênis masculino), WTA Tour (feminino), ATP Media e com as organizações dos Grand Slams para realizar a filmagem.

Com o objetivo de seguir a mesma fórmula do Drive to Survive, que trouxe diversos novos fãs para a Fórmula 1, o novo documentário esportivo da Netflix pode levar novos fãs para o tênis em todo o mundo. Aqui no Brasil o esporte já foi mais popular, principalmente na Gugamania, período em que Guga Kuerten, tricampeão de Roland Garros, estava competindo. Além disso, o Brasil também teve Maria Esther Bueno, considerada uma das melhores tenistas da história pela mídia especializada.

Gravações já começaram no polêmico Australia Open 2022

 

Se os fãs mais puristas de Fórmula 1 achavam que o Drive to Survive forçava polêmicas, a Netflix nem precisará mexer muito para isso no primeiro Grand Slam do ano. O Australia Open começará na próxima segunda, dia 17, enquanto a sua etapa classificatória iniciou no dia 9. Entretanto, Novak Djokovic, número 1 do ranking da ATP, pode não participar da competição por não ter se vacinado, o que é uma exigência para ter o visto na Austrália. Detido uma segunda vez neste sábado para uma nova audiência do controle de imigração, faltando dois dias para o início do AO, a equipe do Box to Box Films já deve estar acumulando horas de filmagens e entrevistas sobre o caso. Djokovic busca o recorde de títulos em Grand Slams. Se ele não participar, Rafael Nadal, também 20 Grand Slams, pode ser o primeiro a chegar a 21 títulos destes torneios. Já estou ansioso para o documentário!

Depois da Austrália, a Netflix fará as próximas gravações em Roland Garros (16 de maio - 5 de junho), Wimbledon (27 de junho - 10 de julho) e encerra a temporada no US Open (29 de agosto - 11 de setembro). Além da polêmica de Djokovic, a temporada pode registrar o retorno e possível aposentadoria de Roger Federer e o retorno de Serena Williams, considerados os melhores tenistas da história por alguns. 

Continua após a publicidade

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Netflix
User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

O novo império da Microsoft após a compra da Activision Blizzard

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.