Quentin Tarantino quase dirigiu Senhor dos Anéis no lugar de Peter Jackson
Créditos: Gage Skidmore/Flickr

Quentin Tarantino quase dirigiu Senhor dos Anéis no lugar de Peter Jackson

Harvey Weinstein brigou com Jackson por insistência em trilogia e orçamento astronômico

Domingo fará 20 anos que o primeiro filme do Senhor dos Anéis foi lançado. 

Você já imaginou o Smeagol/Gollum "My precious, you son of a bitch!" para o Frodo Bolseiro em Senhor dos Anéis? Ou quem sabe Gandalf terminando o "You shall not pass!" com um "m*therf*cker"? Pois isso provavelmente teria acontecido se Harvey Weinstein, produtor e condenado por crimes sexuais, trocasse Peter Jackson por Quentin Tarantino. Ken Kamins, empresário de Jackson, contou os bastidores da produção dos Senhor dos Anéis para o The Independent e revelou essa briga envolvendo, Disney, Miramax e Weinstein contra o diretor neozelandês.

02/08/2021 às 22:27
Notícia

Exclusiva do Amazon Prime, nova série de O Senhor dos Anéis g...

Nova série se passará antes dos acontecimentos dos livros “O Hobbit” e “O Senhor dos Anéis”

Ao ser contratado para dirigir a adaptação dos três livros de J.R.R. TolkienPeter Jackson foi autorizado por Harvey Weinstein (fundador da Miramax Studios) a seguir com o projeto de fazer dois filme e filmá-los em sequência (a saga de Senhor dos Anéis foi lançada com 1 ano de diferença entre cada filme).

Entretanto, a Walt Disney, dona da Miramax, não gostou nenhum pouco dos planos e, principalmente, do elevado orçamento planejado para as gravações. Conforme relatou Ken Kamins, a primeira reação de Weinstein foi ficar em uma corda bamba: de um lado se negava a aceitar a negativa do Mickey Mouse, do outro dizia para Peter Jackson continuar o projeto. Depois ele começou a agir de maneira abusiva com o diretor.

"Bob Weinstein [irmão de Harvey] sugeriu uma vez que matássemos três Hobbits. A Disney não queria a adaptação e a relação entre Peter e a Miramax azedou. Harvey foi de agir com empataria para virar rapidamente um Mr. Hyde [referência à "Dr. Jekyll e Mr. Hyde, livro sobre um médico que se transformava em um monstro] e ameaçava o Peter. Ele ameaçou chamar Quentin Tarantino para dirigir se Peter não fizesse a história em um filme de 2h30 — que era o exato oposto do que ele havia falado para nós do que ele queria", disse Kamins.

19/06/2021 às 12:00
Notícia

Novo filme do Senhor dos Anéis vai ser anime retratando a &qu...

Produção vai focar na história de Helm Mão-de-Martelo, o rei de Rohan

Continua após a publicidade

A escolha por Quentin Tarantino não era aleatória: o diretor (e as vezes sósia do Samuel Rosa) trabalhou com os irmãos Weinstein em Pulp Fiction. A solução foi a Miramax vender os direitos da adaptação para a New Line Cinema, da Warner Bros. O resto é história (e bilhões de dólares para a New Line e Warner). Mas agora imagine Tarantino dirigindo esse adaptação.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Gizmodo Fonte: The Independent
User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

O novo império da Microsoft após a compra da Activision Blizzard

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.