EUA adiciona oito novas empresas chinesas à lista de bloqueio de comércio
Créditos: Divulgação/Departamento de Comércio

EUA adiciona oito novas empresas chinesas à lista de bloqueio de comércio

De acordo com o Departamento de Comércio, a medida busca impedir desenvolvimento de tecnologia para militares

Na quarta-feira (24), o governo dos Estados Unidos adicionou mais empresas chinesas à sua Lista de Entidades bloqueadas para negócios. As oito novas adições foram listadas pelo Departamento de Comércio norte-americano em meio a crescentes tensões entre os dois países sobre a situação de Taiwan.

No total, considerando entidades da China, Japão, Paquistão e Cingapura, 27 novas empresas foram adicionadas à “lista negra” dos Estados Unidos. No caso específico da China, os motivos para a medida foram diversos.

De acordo com informações da Agência Reuters, a Hangzhou Zhongke Microelectronics Co Ltd, a Hunan Goke Microelectronics, a New H3C Semiconductor Technologies Co Ltd, a Xi'an Aerospace Huaxun Technology e a Yunchip Microelectronics foram penalizadas por seu “apoio à modernização militar do Exército de Libertação do Povo”.


Embaixada da China em Washington D.C. Reprodução/Embaixada Chinesa

25/11/2021 às 09:33
Notícia

Pra cima e avante - Xiaomi reporta aumento de 25% no lucro lí...

Relatório do terceiro trimestre revela que a fabricante vendeu 43,9 milhões de smartphones neste ano

Já as outras três, o Laboratório Nacional de Ciências Físicas de Hefei em Microscale, QuantumCTek e Shanghai QuantumCTeck Co Ltd foram incluídas sob a justificativa de “aquisição e tentativa de aquisição de itens originários dos Estados Unidos em apoio a aplicativos militares”.

O porta-voz da embaixada da China em Washington, Liu Pengyu,  acusou os EUA de “usarem o conceito geral de segurança nacional e abusar do poder estatal para suprimir e restringir as empresas chinesas por todos os meios possíveis” e disse que “a China se opõe firmemente a isso”.

De acordo com o governo estadunidense, o objetivo das restrições é impedir que a China utilize tecnologia norte-americana para desenvolver aplicativos de computação quântica destinados a seus militares.

Continua após a publicidade

Pengyu comentou que os EUA deveriam “seguir o espírito” da reunião virtual entre o presidente Joe Biden e o líder Xi Jinping na terça-feira passada (16) e “encontrar a China no meio do caminho, em vez de seguir pelo caminho errado”.


Joe Biden e Xi Jinping em videoconferência na última terça-feira (16). Reprodução/Tingshu Wang (Reuters)

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Reuters
User img

Iraci Falavina

Estudante de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Iraci é apaixonada por games,principalmente se tiverem uma boa história. Também se interessa por animes e cinema e não recusa uma boa xícara de chá. Editora-chefe do programa de jogos do curso, o Insira a Ficha.

Drone DJI Mavic 3 tem qualidade de CINEMA? BELAS IMAGENS em FLORIPA! [4K CINEMATIC]

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.