Facebook decide encerrar programa de reconhecimento facial e vai apagar banco de dados
Créditos: Reprodução/ R1

Facebook decide encerrar programa de reconhecimento facial e vai apagar banco de dados

Sistema será desativado globalmente e irá apagar dados de mais de 1 bilhão de usuários

O Facebook anunciou nesta semana, através do site oficial, que irá apagar toda sua base de dados, previamente utilizada para treinar o sistema de reconhecimento facial da rede social. Lançado em 2010, o sistema de reconhecimento era utilizado para facilitar a marcação de pessoas em fotos. O Facebook, agora chamado oficialmente como Meta, irá apagar sua base de dados para mostrar aos seus usuários que se preocupa com a privacidade das pessoas. A mudança será implementada globalmente e deve ser concluída até dezembro.

03/11/2021 às 09:15
Notícia

Facebook verificou sem querer uma página que se passava por E...

Página tinha mais de 153 mil seguidores e já saiu do ar

O acervo do Facebook conta com mais de 1 bilhão de identidades de usuários, que podem ser facilmente identificados através do reconhecimento facial. O vice-presidente de IA do Facebook, Jerome Pesenti, defende que a tecnologia ainda pode ser uma ferramenta importante. "Olhando para o futuro, ainda vemos a tecnologia de reconhecimento facial como uma ferramenta poderosa, por exemplo, para pessoas que precisam verificar sua identidade ou para evitar fraudes", comentou Pesenti.

Uma das principais preocupações da empresa é a incerteza perante a forma correta para utilizar dados de reconhecimento facial. Afinal, órgãos reguladores não conseguem fornecer um conjunto de regras para o uso do sistema. "Em meio a essa incerteza contínua, acreditamos que é apropriado limitar o uso do reconhecimento facial a um conjunto restrito de casos de uso".

O vice-presidente de IA do Facebook também reforça que a perda da funcionalidade também apresenta uma desvantagem, pois haverá a perda da identificação de usuários no texto descritivo, ferramenta de acessibilidade para portadores de deficiências visuais. "Precisamos pesar os casos de usos positivos para reconhecimento facial com as crescentes preocupações da sociedade, especialmente porque os reguladores ainda precisam fornecer regras claras", revelou o Facebook em comunicado oficial. 

29/10/2021 às 15:25
Notícia

Meta Quest é o novo nome do óculos de realidade virtual do Fa...

VR é um dos principais pontos que são trabalhados pela empresa para seu metaverso

Continua após a publicidade

A exclusão do banco de dados, é uma tentativa da empresa de Mark Zuckerberg em transmitir uma imagem diferente aos seus usuários. Envolvida em um escândalo, ao ser acusada de não respeitar a privacidade dos usuários, a rede social busca alterar essa percepção, ao mesmo tempo que começa investir de forma pesada no Metaverso. Além disso, a empresa está desenvolvendo um algoritmo capaz de rastrear todas suas ações para aprimorar os produtos de realidade virtual e aumentada.

De qualquer forma, a decisão do Facebook/Meta em apagar seu banco de dados de reconhecimento facial  não é um indicativo direto que a partir de agora a rede social irá  colocar a privacidade do usuário em primeiro lugar.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Canaltech, Facebook Meta, G1
User img

Luiz Schmidt

Estudante de jornalismo na UFSC. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Gosta de escrever histórias de horror nas horas livres e sonha em publicar um livro.

DJI MAVIC 3 em um SUPER UNBOXING com COMPARATIVOS de DRONES

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.