Testes revelam que chipset do Apple iPad Mini opera em uma frequência reduzida
Créditos: Divulgação Apple

Testes revelam que chipset do Apple iPad Mini opera em uma frequência reduzida

Benchmark mostra que CPU e GPU do novo tablet é levemente mais fraco que o presente no iPhone 13

Uma das surpresas do evento da Apple no começo dessa semana foi o anúncio do novo iPad Mini 2021, que vem com o mesmo SoC A15 Bionic da série iPhone 13. Entretanto, os primeiros testes com o novo aparelho começaram a aparecer nos sites de benchmark e a realidade pode ser um pouco diferente, isso porque o tablet vindo com um chipset com um underclock e apresentando uma pequena queda de desempenho.

18/09/2021 às 15:17
Notícia

Ficou mais barato para consertar iPhones e iPads no Brasil

Além de reduzir preços de modelos mais antigo, Apple também reduziu valores dos consertos

Quem percebeu isso foi o portal MacRumors, que testou o dispositivo em um teste do Geekbench, onde foi verificado que a CPU do aparelho opera com uma velocidade de clock de 2,9 GHz. Essa frequência de operação é menor que a de 3,2 GHz apresentada nos novos smartphones com o mesmo SoC, significando que a fabricante diminuiu um pouco o clock de operação do modelo no seu novo tablet.

Como era de se esperar, esse menor clock acabou sendo revertido no poder do aparelho, mas que não ficou tão atrás assim dos iPhone 13, perdendo aproximadamente 2 a 8% de desempenho. No teste de benchmark o iPad Mini 2021 conseguiu uma pontuação de 1.595 em single-core e 4.540 em multi-core, sendo mais fracos que os 1.730 e 4.660 pontos obtidos pelo iPhone 13 Pro, mas ainda apresentando desempenho bastante impressionante, principalmente se comparado com qualquer outro SoC para Android.

Além do desempenho de CPU, a GPU do modelo também apresentou um desempenho um pouco abaixo dos novos smartphones da Apple e alcançando uma pontuação de 13759 no teste Metal do GeekBench 5, nesse mesmo teste o iPhone 13 Pro Max conseguiu um total de 14258 pontos. Diferentemente do teste do processador, na placa gráfica o iPad Mini ainda consegue se destacar e ficar na frente do modelo base da série iPhone 13, que obteve uma pontuação de 10685.

Infelizmente não é possível ter os dados sobre o underclock que a fabricante realizou na GPU do chipset, mas ainda sim é possível ver uma pequena diferença no desempenho máximo do A15 Bionic. Não está muito claro os motivos da Apple ter reduzido um pouco o desempenho do seu SoC no seu novo tablet, mas ainda sim o novo aparelho apresenta um grande avanço se comparado ao seu antecessor, o iPad Mini 2019, que vem equipado com o chipset A12 Bionic.

Continua após a publicidade

O novo iPad Mini 2021 foi anunciado pela empresa no começo dessa semana e começará a ser vendido pela empresa a partir do dia 24 de setembro, nos Estados Unidos. Ainda não há previsão para o início das entregas dos aparelhos vendidos no Brasil. 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: MacRumors, GSMArena
User img

Willian Ferreira

Willian Ferreira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2019 e começou a estudar Sistemas na Estácio. Desde criança é um aficionado por games, essa paixão acabou despertando o interesse na área de tecnologia. Joga de tudo um pouco, mas tem uma preferencia para jogos de ação, FPS e Fable.

Compramos um iPhone Fake e tivemos uma surpresa

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.