Facebook tem "área VIP" para que celebridades não precisem passar por moderação
Créditos: Dawid Soko?owski no Unsplash

Facebook tem "área VIP" para que celebridades não precisem passar por moderação

Famosos podem ignorar regras da rede social sem ser punidos por isso

Um novo relatório do Wall Street Journal revela como o Facebook releva as ações dos mais famosos na sua rede social, onde eles não passam por nenhum tipo de moderação pelas suas publicações. O programa pouco conhecido é chamado de ‘XCheck’ e visava dar uma maior liberdade para celebridades, políticos e outros membros da elite norte-americana, que podem falar o que querem sem nenhum tipo de penalidade.

14/09/2021 às 17:09
Notícia

Paramount+: promoção reduz valor da assinatura em 50%

Oferta é válida até 30 de setembro e coloca o plano anual por R$99,90

Essa revelação acaba com as falas do Facebook, que afirmam que trata todo mundo igualmente, mas aparentemente o site possui camadas para tratamento dos seus membros, permitindo com que as pessoas mais poderosas mantenham o seu poder mesmo na internet. Segundo reportado pela matéria, esse recurso que também é chamado de 'verificação cruzada’ teoricamente funcionaria para dar uma camada extra de revisão do conteúdo desses usuários “de alto padrão”, mas que na realidade serve como uma forma dessas pessoas contornarem as análises, evitando problemas de relações públicas.

Atualmente o Facebook tem diversos problemas no controle dos seus mais de 2 bilhões de usuários, principalmente em manter na rede social um ambiente limpo de desinformação e postagens tóxicas. Por causa disso o site se esforça para o funcionamento do ‘XCheck’, buscando evitar possíveis problemas que banir uma pessoa famosa do seu site.


Créditos: Reprodução / Wall Street Journal

Mas esse recurso para se proteger de problemas acabou virando um programa que permite que milhares de usuários famosos façam o que quiserem na plataforma, fazendo parte de um tipo de “lista de permissão”, onde eles não passam por nenhum tipo de moderação. Com isso essas pessoas não apenas podem publicar conteúdos tóxicos, mas também fake news e postagens que contenham assédio ou incitação à violência".

A publicação do Wall Street Journal cita que alguns funcionários da empresa já reclamaram sobre essa política da rede social, com alguns pesquisadores da empresa afirmando, em um memorando de 2019, que eles “não estão fazendo o que dizemos que fazemos publicamente”. Na notícia é falado que internamente a rede social sabe que tem que mudar esses programas para “proteção” dos mais famosos, algo que já está sendo mudado aos poucos.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Gizmodo, Wall Street Journal
User img

Willian Ferreira

Willian Ferreira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2019 e começou a estudar Sistemas na Estácio. Desde criança é um aficionado por games, essa paixão acabou despertando o interesse na área de tecnologia. Joga de tudo um pouco, mas tem uma preferencia para jogos de ação, FPS e Fable.

Vem aí as Smart TVs 4K baratinhas da Amazon! O que esperar? Fire TV OS + Prime Video + Alexa

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.