Alemanha quer que fabricantes ofereçam 7 anos de atualizações de segurança em celulares
Créditos: Adrianna Calvo via Pexels

Alemanha quer que fabricantes ofereçam 7 anos de atualizações de segurança em celulares

Proposta atual da Comissão Europeia propõe 5 anos para as fabricantes

De acordo com a revista alemã C't, o Governo Federal da Alemanha está pressionando a União Europeia para que as empresas ofereceram um tempo maior de atualizações de segurança em seus smartphones além de peças de reposição no mercado pelo mesmo tempo ofertado.

09/08/2021 às 16:16
Notícia

Por segurança, China quer proibir carregadores de celular com...

Medida pode impactar globalmente o avanço de carregamento rápido

O país alemão está exigindo que o tempo mínimo fornecido de atualizações seja de sete anos, dois anos a mais do que é proposto atualmente pela Comissão Europeia. Eles acreditam que isso faria com os smartphones obtivessem um tempo de vida maior, garantindo por um prazo mais longo a segurança do sistema operacional do aparelho para os usuários.

As duas propostas, de sete e cinco anos, não são vistas com bons olhos pela DigitalEurope, que é um grupo formado por Apple, Samsung, Google e outras empresas e que foi criado para a defesa da indústria. As empresas querem impor apenas três anos de atualizações de segurança em seus smartphones além de garantir apenas telas e baterias para reposição, deixando de fora componentes como alto-falantes, câmeras, entre outros que supostamente dão menos problemas na mão dos usuários.

03/09/2021 às 14:21
Notícia

WhatsApp terá que pagar multa milionária na Europa por violar...

Multa de €225 milhões foi imposta pela Comissão de Proteção de Dados da Irlanda

Atualmente a Apple garante atualizações de segurança para seus dispositivos por cinco anos, enquanto a Samsung passou a oferecer por quatro anos apenas a partir deste ano, geralmente as empresas oferecem três anos ou menos tempo ainda para smartphones mais básicos, focando suas atualizações nos smartphones intermediários e topo de linha.

Espera-se que a proposta da União Europeia entre em vigor a partir de 2023 e os donos de smartphones consigam pelo menos garantir cinco anos de atualizações de segurança, praticamente o dobro do que é oferecido pela maioria das empresas. Se a sugestão da Alemanha fosse aceita teriam empresas que teriam que oferecer mais de duas vezes o tempo de atualizações em comparação com o que oferecem nos dias atuais, prolongando o tempo de vida de todos os smartphones a serem lançados futuramente.

Continua após a publicidade

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: engadget
User img

Juliano Aires

Conheça o celular 5G mais barato da Motorola

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.