Shopee cresce no Brasil e começa a ameaçar Mercado Livre e Magalu
Créditos: Shopee/Reprodução

Shopee cresce no Brasil e começa a ameaçar Mercado Livre e Magalu

Estratégia da empresa inclui combinar compras online com minijogos com descontos

A Agência de notícias Reuters, publicou nesta segunda-feira (30) reportagem sobre o sucesso do Shopee, empresa de Cingapura, que se tornou o app de comércio mais baixado no Brasil. Com o crescimento impressionante do aplicativo no país, o Shopee, atualmente, deve gerar um terço do valor de vendas do Magalu, aponta a reportagem.

Amazon Prime Vídeo: todos os lançamentos de setembro de 2021

A Shopee é uma empresa que faz parte da Sea Ltda, atual responsável pela Garena, desenvolvedora de Free Fire, jogo mobile de tiro mais baixado no Brasil. Segundo a reportagem, o sucesso da empresa acontece pelo sua estratégia de vendas que envolve divulgar produtos de baixo custo, combinado com minijogos que oferecem cupons e descontos aos usuários. Os cupons resgatados podem ser executados dentro do aplicativo da Shopee para conseguir mais descontos nos produtos. Aproveitando a estreia de uma grande promoção divulgada pelo famoso ator Jackie Chan, a plataforma abriu espaço dedicado à grandes marcas populares no Brasil.

A estratégia de abrir espaço para marcas populares no Brasil, permite que a Shopee combine as compras online com a popularidade de jogos como o Free Fire, que atualmente é o jogo mais baixado no Brasil por oito trimestres seguidos. A popularidade do jogo é tamanha, que alguns streamers brasileiros ganham mais de US$ 1,5 milhão com o jogo na Twitch.

Analistas do Grupo Itaú estimam que o valor dos bens vendidos pela Shopee em 2020 superou R$ 12 bilhões. Para Thiago Macruz, analista do Itaú, o Brasil está recebendo investimento massivo da Shopee. "Dinheiro está sengo gerado por um lado da empresa, que é uma mina de dinheiro, e investido agressivamento no e-commerce brasileiro com sucesso", comentou Macruz. 

O aumento dos investimentos é parte de uma estratégia global da empresa para a América Latina, que inclui países como Chile, Colômbia e México. Atualmente, somente o Brasil conta com uma equipe própria da Shopee. O investidor Jianggan Li, da Momentum Works Cingapura, acredita que a empresa deve ultrapassar a Magalu e Mercado Livre no Brasil. "Eu não ficaria surpreso se eles [Shopee] alcançassem o primeiro lugar no Brasil". 

Enquanto a empresa Shopee cresce no país, o Mercado Livre amplia os investimentos na área de serviços, oferecendo acesso a serviços como Disney+ e Star+. Ao que tudo indica, a Shopee deve continuar acirrando a competição com Magalu, Mercado Livre e também empresas como o Aliexpress, tornando o cenário de e-commerce brasileiro mais disputado.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Reuters Fonte: Tecmundo
User img

Luiz Schmidt

Estudante de jornalismo na UFSC. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Gosta de escrever histórias de horror nas horas livres e sonha em publicar um livro.

Conheça o celular 5G mais barato da Motorola

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.