Nova regra da banimento da Twitch é bastante inspirado no Youtube
Créditos: Divulgação Twitch

Nova regra da banimento da Twitch é bastante inspirado no Youtube

Site de streams está criando um novo formato de strikes para banir usuários da plataforma

Recentemente a Twitch está passando por um processo de mudança para atualizar suas diretrizes de direitos autorais, que está sendo um grande problema para diversos usuários. Agora a maior plataforma de streaming do mundo parece estar se inspirando em uma das suas maiores concorrentes para melhorar suas políticas de banimento, que vem apresentando diversos problemas para streamers por coisas bobas.

20/07/2021 às 11:44
Notícia

Serviço de entregas das Americanas promete tempo máximo de 30...

O plano é que o serviço esteja disponível em mais de 100 cidades até o fim de 2022

Segundo a nova página sobre as novas diretrizes para notificação da Lei dos Direitos Autorais do Milênio Digital (DMCA), a plataforma está mudando a sua forma de abordar os usuários que quebrarem as regras. Agora ela funcionará igual ao Youtube, dando “três avisos” para o usuário antes dele ser considerado um “infrator reincidente” e ser banido da plataforma.

A empresa explica que vai considerar uma infração quando receber “uma notificação completa de um detentor de direitos ou alguém agindo em seu nome”, com isso o conteúdo do usuário será removido e desabilitado. Após isso a empresa deixará que o usuário faça uma contranotificação, que será enviada ao requerente da violação, caso após isso a reclamação seja retirada, o conteúdo volta para o ar, caso continue a reclamação, o usuário levará um strike.


Créditos: Reprodução / GameRant

Além disso, a empresa também avisa que, caso a violação esteja acontecendo ao vivo e a plataforma receba a reclamação, ela irá tirar do ar a transmissão, podendo também suspender a conta do usuário. A Twitch afirma que os strikes não irão ficar para sempre na conta do usuário, possuindo um tempo de “validade” até serem removidos do canal.

Esse sistema é bastante semelhante ao do Youtube para não dizer que é o mesmo e promete trazer diversas melhorias para os streamers do que as regras atuais. Mas isso não significa que isso resolverá todos os problemas, isso porque a própria plataforma da Google sofreu com diversos problemas no seu sistema de DMCA, diversos casos relatavam desde pessoas dando strike em canais que não gostavam como alguns golpistas que estavam usando o sistema para lucrar sobre os criadores de conteúdo:

20/07/2021 às 14:07
Notícia

Samsung lança o tablet Galaxy Tab S7 FE no Brasil

Novo tablet com Android 11 chega ao mercado brasileiro com preço sugerido de R$ 4.999

De qualquer forma essa é apenas o começo da Twitch em tentar criar regras justas tanto para os criadores de conteúdo como os detentor de direitos, esse sistema da empresa ainda vai ter muito para evoluir.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Twitch, Gamerant
User img

Willian Ferreira

Willian Ferreira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2019 e começou a estudar Sistemas na Estácio. Desde criança é um aficionado por games, essa paixão acabou despertando o interesse na área de tecnologia. Joga de tudo um pouco, mas tem uma preferencia para jogos de ação, FPS e Fable.

Compramos um iPhone Fake e tivemos uma surpresa

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.