Fazenda de mineração de bitcoin faz aquecer lago em Nova York
Créditos: Divulgação Greenidge Generation Bitcoin

Fazenda de mineração de bitcoin faz aquecer lago em Nova York

Empresa de usa água do lago para resfriar 8 mil computadores todos os dias

A mineração de criptomoeda usa muito do hardware de um sistema, por consequência disso, também gera uma enorme quantidade de calor para ser dissipado. Para lidar com isso, uma empresa nos Estados Unidos decidiu usar a água de um lago para resfriar os seus computadores, mas o calor gerado por isso pode estar tão quente que está aumentando a temperatura do lago, ao menos é o que afirmam os moradores locais.

08/07/2021 às 10:34
Notícia

Novo Snapdragon 895 apresenta um desempenho inferior ao A14 B...

Vazamento mostra os novos núcleos que virão equipados no processador de nova geração da Qualcomm

Recentemente uma série de protestos chamou a atenção da NBC News nos Estados Unidos, que apurou uma reclamação de uma comunidade sobre o aquecimento do Lago Seneca, que fica no sul do estado de Nova York, que supostamente estaria ficando mais quente por causa da mineração de criptomoedas.

Segundo a população, o aumento da temperatura começou a acontecer quando a usina de elétrica movida a gás da região foi convertida em uma usina de mineração, algo que aconteceu em 2019. Isso afetou a temperatura do lado porque a Greenidge Generation Bitcoin, que é responsável pela usina, tem a permissão de captar 526 milhões de litros de água diariamente para fazer o resfriamento dos seus computadores, tendo que devolver depois disso 511 milhões de litros todos os dias para o lago.

Com isso, os moradores apontam isso como o principal culpado para o aquecimento do lago, que, segundo Abi Buddington, uma moradora local, “está tão quente que você sente como se estivesse em uma banheira quente”. Apesar disso, a empresa afirma que não está realizando nenhuma irregularidade, operando dentro dos limites das licenças ambientais estaduais e federais.

" O impacto ambiental da planta nunca foi melhor do que agora."
- Afirmou o CEO da Greenidge, Jeff Kirt.

Continua após a publicidade

A mineradora afirma que a sua instalação não tem sido a culpada por esse suposto aumento nas temperaturas, isso porque a empresa só pode “devolver” a água para o lago com no máximo 43 gruas. Mas ela aponta que a sua fazenda de mineração está retornando a água para o Lago Seneca com a metade dessa temperatura.

08/07/2021 às 08:37
Notícia

Criminosos revelam como obtêm acesso a contas bancárias de iP...

Os bandidos aproveitam informações geradas pelas vítimas para aplicar golpes

Mesmo com a reclamação popular, a empresa afirma que parte da população não é contra a presença dela no local, principalmente pelas generosas doações realizadas por ela para o corpo de bombeiros e escolas locais. De qualquer forma, essa reclamação só deve ter uma solução a partir de 2023, pois é quando o estudo térmico completo sobre isso deve ser finalizado.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: TweakTown, NBCNews, Decrypt
User img

Willian Ferreira

Willian Ferreira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2019 e começou a estudar Sistemas na Estácio. Desde criança é um aficionado por games, essa paixão acabou despertando o interesse na área de tecnologia. Joga de tudo um pouco, mas tem uma preferencia para jogos de ação, FPS e Fable.

Drone Autel EVO II Pro chega ao Brasil - Câmera 6K, 40 Minutos e 9Km [UNBOXING]

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.