Carros elétricos serão tão lucrativos quanto os comuns, diz CEO da Audi
Créditos: Reprodução/Roberto Nickson/Unsplash

Carros elétricos serão tão lucrativos quanto os comuns, diz CEO da Audi

A empresa também pretende vender apenas veículos elétricos a partir de 2026

O CEO da Audi, Markus Duesmann, comentou, em entrevista à revista alemã Der Spiegel, que os veículos elétricos da marca devem se tornar tão lucrativos quanto os carros de motores a combustão dentro dos próximos dois a três anos.

A Audi, assim como outras montadoras, vem investindo fortemente em acelerar a transição para carros elétricos. Duesmann já havia comentado, na Conferência Climática de Berlim, ocorrida no dia 22 de junho, que a empresa pretende vender apenas veículos elétricos a partir de 2026.

Nós estamos mandando um sinal de que a Audi está pronta [para as novidades].

 


Reprodução/Marcel Straub

06/07/2021 às 09:50
Notícia

Bugatti é vendida para empresa croata de carros elétricos

Marca francesa de 112 anos pertencia ao Grupo Volkswagen; valor do negócio não foi revelado

Apesar dos prazos estabelecidos, Markus Duesmann explicou que a descontinuidade dos motores a combustão dependerá, em última análise, dos clientes e das legislações. A União Europeia, por exemplo, fez alterações nas diretrizes climáticas e deseja reduzir em 60% a emissão de CO2 até 2030. Após essa meta, a Audi disse que pretende produzir seu último veículo a combustão até 2033, se ainda houver consumidores desse tipo de carro.

As novas diretrizes da União Europeia influenciaram outras montadoras a adotarem metas mais amigáveis ao meio ambiente. A Volkswagen, por exemplo, anunciou no dia 26 de junho que deseja parar de vender veículos com motor de combustão até 2035

Seguindo essa linha, outra meta da Volkswagen é alcançar um catálogo com 70% de participação de veículos elétricos até o ano de 2030, respeitando as recomendações estabelecidas pela União Europeia. Entretanto, para isso, de acordo com Klaus Zellmer, diretor do conselho de vendas da empresa, “a Volkswagen precisa se adaptar às diferentes velocidades de transformação nas regiões individuais”.

Continua após a publicidade

Ainda em junho, durante a Cúpula Automotiva Internacional da Sociedade de Fabricantes e Comerciantes em Londres, no dia 29, o presidente-executivo da divisão europeia da Hyundai Motors, Michael Cole, comentou que os veículos aéreos urbanos também devem ser uma realidade até 2030, coincidindo com as tendências de inovação na mobilidade.

Fonte: Electrek, Quatro Rodas
User img

Iraci Falavina

Estudante de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Iraci é apaixonada por games,principalmente se tiverem uma boa história. Também se interessa por animes e cinema e não recusa uma boa xícara de chá. Editora-chefe do programa de jogos do curso, o Insira a Ficha.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.