Satélites da Starlink entregarão cobertura ao mundo todo até setembro
Créditos: Reprodução/Starlink

Satélites da Starlink entregarão cobertura ao mundo todo até setembro

Previsão foi dada por Gwynne Shotwel, presidente da subsidiária da SpaceX

Gwynne Shotwel, presidente da Starlink, anunciou na terça-feira, 22 de junho, que a internet dos satélites da empresa terão cobertura global até setembro deste ano. A previsão dependerá ainda de aprovações regulamentares de órgãos governamentais de cada país. 11 países já contam com o serviço em fase beta.

10/06/2021 às 12:45
Notícia

Internet da SpaceX Starlink pode ficar disponível em aviões e...

A empresa está negociando com companhias aéreas para adicionar o serviço

Até o momento a Starlink enviou 1.800 satélites para oferecer o serviço de internet. Alguns satélites ainda precisam entrar na sua órbita operacional, e assim fornecerão a cobertura global planejada pela subsidiária da SpaceX em setembro. Um ponto fundamental para Elon Musk  atingir o seu objetivo de levar internet para todo o mundo pela Starlink é a aprovação dos órgãos regulamentares para que a companhia ofereça serviços de internet.

Shotwel contou também que Starlink tem ainda planos de lançar mais 12.000 satélites ao custo de aproximadamente 10 bilhões de dólares. A U.S. Fderal Communications Comission (FCC), a "Anatel" americana, já aprovou o lançamento de satélites da companhia a uma órbita mais baixa do que o planejado, visando o fornecimento de conexão mais rápida em regiões remotas dos Estados Unidos que não possuem internet.


Fonte: Reprodução/SpaceX

Starlink já possui uma subsidiária no Brasil, país onde Elon Musk teve a ideia de criar uma empresa de foguetes. Entretanto, ainda não foi aprovada para oferecer serviços de internet no país, ficando somente a operação de suas antenas em terra liberadas pela Anatel. Não se sabe ainda se empresa está buscando essas autorizações com os diversos governos enquanto o sistema não fica totalmente operacional.

O serviço já está em pré-venda no Brasil por 99 dólares. Apesar do preço alto, essa taxa é padrão em todos os país onde já existe a possibilidade de assinar. 

Continua após a publicidade

A internet da Starlink já está disponível em Beta Estados Unidos, Canadá, Nova Zelândia, Reino Unido, Alemanha, Austrália, França, Áustria, Países Baixos e Bélgica.

Via: Engadget Fonte: Reuters
User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.