Google está usando IA para desenvolver novos chips de IA
Créditos: Foto: Magnus Engø/Unsplash

Google está usando IA para desenvolver novos chips de IA

Empresa disse que processo faz com que trabalho de meses sejam feitos em menos de seis horas

A Google publicou na Nature, uma das principais revistas científicas do mundo, que está utilizando machine learning para desenvolver a próxima geração dos seus chips TPU (tensor processing units). Os TPUs são justamente utilizados para machine learning, como redes neurais e big data. Eficiência do método foi chamado de "importante conquista" pelo editorial da Nature.

04/05/2021 às 14:05
Notícia

Inteligência artificial validando Inteligência artificial? Mi...

Ferramenta automatiza testes de segurança de sistemas de IA para empresas

De acordo com a Google, o desenvolvimento produzido pela inteligência artificial é compatível ou superior aqueles produzido por pessoas. O fato de realizar o trabalho de meses em poucas horas acelerará a evolução dos chips TPUs da empresa, além de poder ser utilizado na produção de outros chips da Google. A Nature destaca que a metodologia poderá contrabalancear o futuro fim da Lei de Moore. A Lei diz que os números de transistores em um chip dobra a cada dois. Por mais que a machine learning do Google não resolva as limitações físicas de incluir mais transistores, a IA trará novos meios de aumentar a performance de chips.

A produção dos chips começa com a criação de uma "planta baixa", onde se busca o melhor layout no material semicondutor para incluir os subsistemas do chip. A posição dos componentes impacta na velocidade e eficiência do chip. A machine learning atua nessa parte, otimizando os locais dos subsistemas. Engenheiros da Google treinaram um algoritmo de inteligência artificial com uma "biblioteca" de mais de 10.000 plantas baixas de chips. A partir das análises das plantas, a IA desenvolveu seus próprios layouts de chips


Na esquerda, planta feita por engenheiro Na direita, feita pela IA. Fonte: Reprodução Nature - Mirhoseini A,. et al

Apesar das imagens estarem borradas, já que se trata de um produto confidencial da Google, é possível ver a diferença nos layouts dos chips.

O artigo tem a autoria de Azalia Mirhoseini e Anna Goldie, ambas pesquisadoras da Google. Ainda há muito chão para empresas de tecnologia evoluírem ainda mais o ciclo sem fim de AI desenvolvendo AI. A Nvidia também está usando inteligência artificial para acelerar o desenvolvimento dos seus chips. Até o momento, nenhuma empresa chamada Skynet está trabalhando nisso.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: The Verge, Tom's Hardware
User img

Felipe Freitas

Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia e adora jogos com histórias bem feitas. Não perde a chance de fazer uma Jojo Pose.

Vem aí as Smart TVs 4K baratinhas da Amazon! O que esperar? Fire TV OS + Prime Video + Alexa

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.