Fundador da Huawei diz que empresa deve se concentrar em software
Créditos: Divulgação Huawei

Fundador da Huawei diz que empresa deve se concentrar em software

Ren Zhengfei afirma que setor é mais independente dos EUA e que empresa deve “ousar liderar o mundo”

A Huawei vem encontrando diversos problemas devido às tsanções impostas pelo governo norte-americano, que afetou seu negócio de hardware em diversas partes do mundo. Com isso, a empresa vem tendo problemas em manter seu esquema de negócios e, segundo o fundador da empresa, Ren Zhengfei, ela deveria se concentrar em fazer softwares.

20/05/2021 às 15:34
Notícia

Huawei lança TV inteligente Smart Screen SE com display 4K e ...

Modelo traz uma webcam integrada e tem opções de 55 ou 65 polegadas

Quem trouxe a informação sobre as falas do fundador foi o portal Reuters, que teve acesso a um memorando interno escrito por Ren. Documento é uma prova da nova direção que a empresa pode estar tomando, principalmente por causa do efeito das sanções nas suas vendas de celulares.

Nas suas falas o fundador afirma que a empresa está se concentrando no desenvolvimento de softwares, pois é um campo fundamental e que está “"fora do controle dos EUA e teremos maior independência e autonomia". Além disso, ele fala sobre os planos da empresa nessa área e que ela deve “ousar liderar o mundo”.


Créditos: Reprodução / GSMArena

Essa é a solução que a empresa está vendo para negócios, principalmente a curto prazo, se concentrando na criação dos seus próprios ecossistemas de software. Uma das apostas da empresa nessa área é seu novo sistema operacional, o HarmonyOS, que será a base de todo esse sistema de programas da empresa.

Para tornar o seu próprio sistema viável, a empresa já está planejando smartphones equipados com eles, com um sendo lançado na semana que vem. Além disso, a empresa pretende equipar o HarmonyOS em diversos outros dispositivos, com um planejamento de 3000 milhões de aparelhos com o sistema até o final do ano.

A implementação de um sistema proprietário nos smartphones da empresa é fundamental agora, pois as sanções dos Estados Unidos também afetaram a relação da Huawei com a Google. Com isso, a desenvolvedora do Android está proibida de oferecer suporte técnico para os novos smartphones da Huawei, além de impedir a empresa chinesa de ter acesso aos Serviços do Google Mobile, que é o pacote de serviços para desenvolvedores que a maioria dos aplicativos do Android são baseados. 

Continua após a publicidade

21/05/2021 às 17:40
Notícia

Novo fone de ouvido sem fio Huawei FreeBuds 4 é lançado ofici...

Aparelho terá cancelamento de ruído ativo e foi feito através de estudos de uma orelha 3D

O fundador da Huawei também reforçou que a empresa vem se esforçando no desenvolvimento e melhoria do Mindspore, seu sistema de inteligência artificial na nuvem, e em outros produtos de TI.

Fonte: Reuters, GSMArena
User img

Willian Vieira

Willian Ferreira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2019 e começou a estudar Sistemas na Estácio. Desde criança é um aficionado por games, essa paixão acabou despertando o interesse na área de tecnologia. Joga de tudo um pouco, mas tem uma preferencia para jogos de ação, FPS e Fable.

Análise do Samsung GALAXY S21 ULTRA: tela INCRÍVEL e câmeras para TODAS AS SITUAÇÕES

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.