Samsung mostra novos displays flexíveis e enroláveis em evento
Créditos: Samsung

Samsung mostra novos displays flexíveis e enroláveis em evento

Tecnologias podem aparecem em nova geração de dispositivos dobráveis e "estendíveis"

A Samsung foi participar da Display Week 2021 para mostrar alguns dos protótipos de suas telas que podem aparecer em dispositivos futuros. São displays flexíveis como os que já vimos em celulares como o Galaxy Fold, além de telas OLED que podem ser enroladas, para oferecer uma experiência de um display que pode ser "estendido" - e a Samsung ainda não fez um aparelho assim.

Um dos primeiros protótipos é um display OLED que se dobra em mais de uma articulação, como aparece na imagem abaixo. Com este formato, seria possível fazer uma tela ainda maior dobrar sobre si mesma e resultar num aparelho de tamanho parecido com o que vemos no Galaxy Fold. Mas, quando desdobrada, o resultado é uma tela mais ampla do que é possível encontrar nos produtos já lançados. Desdobrada, a tela alcançaria até 7,2''.

A empresa também mostrou uma tela "enrolável", que resultaria num aparelho que pode ter a tela estendida, e seria inédito para a fabricante. Como podemos ver na imagem (abaixo), a ideia da Samsung é um celular com uma espécie de acessório na borda lateral, um compartimento onde a tela se enrola pra ficar menor no modo portátil e pode ser puxada pra aumentar a qualquer momento.

Isso é parecido com algo que a LG chegou a mostrar, mas com a empresa decidindo sair completamente do mercado de celulares, a Samsung tem a chance de estabelecer sua dominância também na área de telas enroláveis, não apenas dobráveis, se colocando como uma marca referência na área de OLEDs flexíveis.

Mas os displays mostrados pela Samsung no evento não se resumem a soluções para celulares e dispositivos móveis. A empresa mostrou também o conceito de um notebook com webcam sob a tela, algo que tem aparecido com certa frequência em smartphones. Da mesma maneira que acontece nos celulares, uma câmera debaixo do display permitiria um design quase sem bordas para o notebook, um conceito de "tela infinita". A diferença é que a câmera frontal de notebooks não costuma ser usada para tirar selfies por aí, então talvez os usuários se incomodem menos com uma qualidade reduzida para suas chamadas online.

Via: Engadget Fonte: SamMobile
User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Entenda o Mini LED e Micro LED: TVs com mais contraste, brilho e menos limitações

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.