TVs da Samsung podem ser as próximas vítimas da escassez mundial de chips
Créditos: Samsung

TVs da Samsung podem ser as próximas vítimas da escassez mundial de chips

Executivo diz que empresa está fazendo "tudo que pode" para evitar problemas

Entusiastas da informática e tecnologia no geral enfrentam há um bom tempo uma considerável alta nos preços desse tipo de produto devido a uma escassez mundial nos estoques de componentes eletrônicos usados para fabricá-los. O problema, causado por impactos na produção e aumento na procura - ambos resultados da pandemia - deve começar a ficar cada vez mais mainstream, chegando também às TVs da Samsung, segundo um dos executivos da própria companhia.

Han Jong-hee, o líder dos negócios de display visual da Samsung, falou com repórteres e jornalistas sobre o assunto, e mencionou que a empresa pode sofrer um impacto na sua capacidade de fabricar e oferecer aparelhos de TV. Ele diz que a companhia está fazendo "tudo o que pode para evitar problemas".


(Reprodução/Samsung)

As ações da empresa incluem conversas com fabricantes de semicondutores para tentar garantir uma produção entre este ano e o próximo. Jong-hee afirma que pelo menos este ano está garantido no fornecimento de TVs.

Enquanto a Samsung batalha para garantir estoques de seus produtos, a empresa também tenta promover uma nova geração da tecnologia de telas, a Micro LED. Lançadas recentemente, as TVs de Micro LED da Samsung já estariam em produção em massa nas 146'' e prontas para expandir sua linha com produtos de 110'', 80'' e 70'' ainda neste ano. Segundo informações da PulseNews, Han Jong-hee teria mostrado segurança que esses produtos estão garantidos.

01/04/2021 às 20:42
Notícia

Foxconn, fornecedora da Apple, alerta que falta de chips deve...

A escassez de componentes tem afetado praticamente toda a indústria da tecnologia no último ano

O ano que vem deve ser a "prova de fogo" para a maioria dos segmentos do mundo da tecnologia em relação ao suprimento de componentes. A escassez tem impactado nos preços e afeta até roteadores, com as TVs da Samsung chegando agora para a lista. Enquanto isso, não temos previsões muito otimistas de melhora, com a Foxconn, por exemplo, uma das maiores fabricantes de dispositivos do mundo, alertando que os baixos estoques devem durar ainda até o ano que vem. A Foxconn trabalha com gigantes como a Apple e a Sony na fabricação de seus produtos.

Fonte: PulseNews
User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.