Carro autônomo usando sensores da DJI aparece no Shanghai Auto Show
Créditos: Baojun

Carro autônomo usando sensores da DJI aparece no Shanghai Auto Show

Pequeno Kiwi EV, da Baojun, aparece ostentando adesivos da DJI

A DJI pode não ter planos para fabricar um carro da marca tão cedo, mas isso não quer dizer que a empresa não queira participar do lucrativo e crescente segmento de veículos elétricos e autônomos. Como divulgado na semana passada, a empresa planeja mostrar suas soluções para esse tipo de carro durante a Shanghai Auto Show, que começa nessa semana, mas o pessoal dos vazamentos e rumores não estava disposto a esperar: já temos as primeiras imagens de um carro elétrico "powered by DJI".

Como dá pra ver nas fotos, trata-se de um Kiwi EV, da Baojun. É um pequenino carro elétrico com funções autônomas de piloto automático. "Powered by DJI" pode ser traduzido como "impulsionado pela DJI", ou algo assim. Isso quer dizer, basicamente, que o carro usa tecnologia da DJI para funcionar.

Tecnologia da DJI, no caso, significa o que a empresa faz de melhor além de seus drones: sensores. O know-how da empresa na fabricação de dispositivos aéreos resulta na criação de diferentes sensores que são bem úteis na criação de carros com autonomia, como sensores de aproximação, de reconhecimento de objetos e pessoas, e assim por diante.

O Shanghai Auto Show é uma exposição de automóveis que acontece em Xangai, na China. Assim, as primeiras notícias que temos do evento costumam vir de sites chineses, como o Khanzhaji, que foi o primeiro a falar dessas fotografias do Kiwi EV. O trecho abaixo vem do site, detalhando um pouco como podem funcionar as tecnologias da DJI no carro, mas note que o original estava em chinês, então passou por um Google Tradutor:

Como dito no trecho do Khanzhaji, a exposição começa oficialmente hoje, no dia 19, então em breve devemos ter informações oficiais sobre as tecnologias da DJI para carros.

Via: DroneDJ Fonte: Khanzhaji
User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Celular GAMER barato? Testamos o Black Shark 4, o custo-benefício da Xiaomi

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.