Remessas globais de PCs chegam a 84 milhões no 1º trimestre de 2021
Créditos: Reprodução/Artiom Vallat/Unsplash

Remessas globais de PCs chegam a 84 milhões no 1º trimestre de 2021

Segundo a International Data Corporation (IDC), os números incluem desktops, notebooks e estações de trabalho

De acordo com dados da International Data Corporation (IDC), remessas globais de PCs tradicionais, incluindo desktops, notebooks e estações de trabalho, tiveram um aumento de 55,2% durante o primeiro trimestre de 2021, em comparação com o mesmo período do ano anterior. 

Entre janeiro e março deste ano, as remessas mundiais de computadores alcançou o número de 84 milhões de produtos. É interessante observar que houve uma queda de 8% comparando o último trimestre de 2020 e o primeiro de 2021, mas não havia um decréscimo tão pequeno quanto esse desde o ano de 2012.


Reprodução/XPS/Unsplash

Segundo Jitesh Ubrani, gerente de pesquisa do Mobile Device Trackers da IDC, a explicação para essa pequena retração nas vendas é a seguinte:

A demanda não atendida do ano passado foi transportada para o primeiro trimestre e a demanda adicional provocada pela pandemia também continuou a impulsionar o volume. No entanto, o mercado continua a lutar com contratempos, incluindo falta de componentes e problemas de logística, cada um dos quais contribuiu para um aumento nos preços médios de venda.

 

07/04/2021 às 16:39
Notícia

YouTube é a plataforma de mídia social mais popular pelo 2º a...

Pesquisa realizada nos EUA entrevistou 1.502 adultos de 25 de janeiro a 8 de fevereiro de 2021

Essa demanda adicional citada por Ubrani pode ser associada também ao impulsionamento do regime de trabalho em home office, o que acabou exigindo que os funcionários adquirissem uma estrutura melhor. Entretanto, essa alta demanda contribui para um problema: uma escassez geral de semicondutores.

Ryan Reith, vice-presidente do programa da IDC's Worldwide Mobile Device Trackers, comentou o seguinte:

Continua após a publicidade

Todos os três segmentos - negócios, educação e consumo - estão enfrentando uma demanda que não esperávamos que ocorresse, independentemente de muitos países iniciarem seu processo de 'abertura'. 

 

Segundo Reith, a escassez de componentes provavelmente será um tópico bastante discutido durante a maior parte de 2021. De toda forma, para ele, uma questão ainda mais importante deve ser os impactos deste momento na demanda de PCs entre os próximos 2 a 3 anos.



Reprodução/Logan Weaver/Unsplash

Fonte: IDC, Tech Power Up
User img

Iraci Falavina

Estudante de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Iraci é apaixonada por games,principalmente se tiverem uma boa história. Também se interessa por animes e cinema e não recusa uma boa xícara de chá. Editora-chefe do programa de jogos do curso, o Insira a Ficha.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.