Veja os novos lindos detalhes da Nebulosa do Véu
Créditos: ESA/HUBBLE e NASA

Veja os novos lindos detalhes da Nebulosa do Véu

Cientistas Hubble revisitam imagem capturada em 2015 e mostram novos detalhes da peculiar nebulosa

Foi em 2015 que o telescópio Hubble capturou a primeira boa imagem da Nebulosa do Véu. Hoje, dia 06, a NASA revelou novos detalhes incríveis da foto, obtidos com a aplicação de novas técnicas de processamento de imagem. 

Conheça mais sobre a nebulosa no catálogo Hubble

As técnicas de processamento foram aplicadas utilizando cinco diferentes filtros nas fotos do Wide Field Camera 3 do Hubble, criando um efeito de cores mais vívido. Na nova imagem é possível perceber os detalhes aprimorados das emissões do oxigênio duplamente ionizado (na imagem aparece em azul), hidrogênio ionizado (em verde) e nitrogênio ionizado (em vermelho). 


Com a nova imagem é possível perceber com mais detalhes as cores dos gases (Créditos: Hubble e NASA)

O gás ionizado é tudo o que resta de uma supernova com aproximadamente 20 vezes a massa do Sol. A Nebulosa do Véu está a 2.100 anos luz da Terra na constelação de Cygnus, também conhecida como a constelação do Cisne. Segundo informações da NASA, Cygnus é um 'vizinho' relativamente próximo.


Como eram as cores na imagem publicada em 2015 (Créditos: Hubble e NASA)

09/01/2021 às 12:19
Notícia

Veja seis lindas imagens de galáxias colidindo capturadas pel...

A fusão de galáxias é um espetáculo distante que nem sempre podemos ver

O astrônomo William Herschel foi o primeiro a identificar a nebulosa, em 1784. No ano de 1904, Williamina Fleming descobriu uma pequena porção da nebulosa, chamada de o triângulo de Pickering, nomeada em honra ao diretor de Harvard, onde Fleming trabalhou. A observação da nebulosa é possível por conta própria, e são dois os melhores momentos do ano para fazê-lo: No início da primavera, no hemisfério sul, ou início de outono no hemisfério norte. É claro que para observá-la é necessário um telescópio, ou utilizar binóculos em condições  de tempo favoráveis.

Continua após a publicidade

A imagem reprocessada mostra apenas uma pequena parcela da Nebulosa do Véu, que continua se expandindo. Estima-se que o diâmetro da nebulosa seria 110 mil anos-luz, enquanto a fotografia publicada pela NASA cobriria cerca de dois anos-luz da nebulosa.

Quando a imagem foi revelada pela primeira vez em 2015, a NASA publicou dois vídeos interessantes com mais detalhes. Infelizmente os vídeos não foram atualizados como a imagem, mesmo assim vale a pena conferir.

Via: DPREVIEW
User img

Luiz Schmidt

Estudante de jornalismo na UFSC. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Gosta de escrever histórias de horror nas horas livres e sonha em publicar um livro.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.