Vídeos de insetos gravados em 72.000 fps (slow-motion) gera imagens incríveis
Créditos: Adrian Smith

Vídeos de insetos gravados em 72.000 fps (slow-motion) gera imagens incríveis

Colêmbulo é um artrópode sem asas, muito parecido com um inseto, que se locomove como um grande ginasta

Colêmbolo? conhece esse animal? provavelmente não. Então deixa eu explicar: Colêmbolo (Springtail no inglês) é um artrópode da ordem Collembola. Eles são hexápodes sem asas, que lembram pequenos insetos e costumam viver no solo, ou em troncos em decomposição.

Publicação original no inglês

Esses pequenos bichos, são estranhamente rápidos, tanto que o olho humano não consegue perceber seu movimento com clareza. Até mesmo câmeras tradicionais não consegue acompanhar a velocidade desses bichos curiosos. Por isso, o doutor Adrian Smith, chefe do Behaviour Research Lab no museu de ciências naturais da Carolina do Norte, Estados Unidos, gravou a movimentação do Colêmbolo a 73.000FPS para melhor entender a movimentação do animal


O animal se movimenta sobre a água com intensos backflips (Créditos: Adrian Smith)

Em 2020 o doutor Smith tentou grava-los com uma câmera de 6000FPS. Mesmo assim não foi possível capturar o movimento do animal, depois ele tentou com uma câmera de 10.000FPS, o que também não foi o suficiente. Utilizando a câmera Phantom VEO1310S, ele gravou o animal se movimentando a 73.000FPS. Nessa velocidade, a câmera só captura imagens em preto e branco e 240 pixels.

Smith afirma que ninguém havia visto o organismo se movendo com tanto detalhe antes. "Não acho que é correto dizer que estou filmando esses animais em slow-motion. Não estou usando a câmera para exagerar ou prolongar o que fazem: só estou tentando ver. Estou tentando encontrar esses animais no tempo em que eles se movimentam, e isso se mostrou muito, muito difícil", comentou Smith.

Assim como você pode ver no vídeo, o Colêmbolo se impulsiona para frente, através da superfície da água, dando "backflips" sequenciais e tão rápidos que deixariam qualquer ginasta envergonhado. A velocidade é tão grande, e no vídeo é possível ver o animal simplesmente "desaparecendo" tamanha é a velocidade com que se move.

O animal semi-aquático consegue caminhar sobre a água e saltar numa angulação de 45°, utilizando um apêndice chamado fúrcula. A cauda também não rompe a superfície da água, permitindo o animal a utiliza-la como trampolim. No vídeo acima é possível ver a fúrcula em ação, e sua importância na locomoção do artrópode.

Continua após a publicidade


(Créditos: Adrian Smith)

20/06/2020 às 18:54
Vídeo

DRONE captura imagens de cardume com +/- 200.000 PEIXES - Pes...

Drone Mavic Air 2 ajudou a capturar imagens de um cardume estimado em 200.000 peixes no dia 08/06

O doutor Smith utiliza uma lente Ultra-Macro Venus Optics Laowa 60mm f/2.8 para realizar sua pesquisa e capturar os vídeos em slow-motion. Além disso, o mais importante segundo ele é a iluminação. Para conseguir o material da pesquisa, foi preciso um aparato de LED construído especificamente para vídeos em alta velocidade que obteve com a empresa Visual Instrumentation Corporation.

Para ver mais vídeos incríveis em alta velocidade, você pode acompanhar o trabalho do doutor Smith e sua equipe no canal do Youtube Ant Lab.

Via: DPREVIEW
User img

Luiz Schmidt

Estudante de jornalismo na UFSC. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Gosta de escrever histórias de horror nas horas livres e sonha em publicar um livro.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.