Motorola lança Moto G100 com snapdragon 870, novo recurso Ready For e mais
Créditos: Reprodução | Mundo Conectado

Motorola lança Moto G100 com snapdragon 870, novo recurso Ready For e mais

O aparelho é o mais avançado e potente da linha Moto G até hoje

A Motorola realizou seu mais recente evento de lançamentos nesta manhã (25) e um dos grandes destaques foi a apresentação do Moto G100, novo topo de linha da família Moto G. De acordo com a empresa, este é o aparelho Moto G mais avançado e mais potente lançado até agora, trazendo features do mercado premium para o segmento intermediário. 

18/03/2021 às 11:41
Notícia

Motorola tenta novamente transformar seu celular num PC com n...

Sistema é parecido com o Samsung Dex, mas aposta no uso das duas telas

O Moto G100 conta com uma tela LCD "Cinema Vision" de 6,7 polegadas, com resolução FHD+ (1080p), densidade de pixels de 409ppi e ainda promete mostrar uma gama de 16 milhões de cores. Outras características incluem suporte a HDR10 e taxa de atualização de 90Hz. Sobre processamento e desempenho, esse smartphone conta com o SoC Snapdragon 870, um chipset recém-lançado pela Qualcomm baseado no antigo 865, e GPU Adreno 650. Para mensurar essa evolução, a pontuação do Moto G100 no Antutu é 83% maior do que o resultado do Moto G9 Plus.

Um dos recursos destaque do dispositivo é o Ready For, ferramenta que permite espelhar a tela do smartphone em telas maiores, como de um notebook ou computadores de mesa, com possibilidade de uso de mouse e teclado para aumentar a produtividade do usuário. A configuração é bastante simples: usando apenas um cabo HDMI / USB-C (por enquanto, apenas essa opção), você já poderá escolher o que quer fazer na tela do seu celular - o reconhecimento é feito automaticamente. Existem opções de espelhamento, câmera para vídeo chamadas ou transmissões, e, de acordo com a Motorola, a pessoa poderá usar todos os apps que normalmente usa na tela do celular na tela expandida - inclusive jogos.

Tratando-se de câmeras, o Moto G100 conta com configuração traseira tripla com o auxílio de um sensor TOF. O sensor principal é de 64MP com Quad Pixel, enquanto a câmera híbrida Ultra-wide e Macro oferece 16MP e ângulo de visão de 117°. O sensor de profundidade é de 2MP e, para quem é mais chegado a vídeos, essa combinação resulta em gravações em resolução até 6K a 30 quadros por segundo.

Continua após a publicidade

Já para as câmeras frontais - sim, são duas - os usuários poderão aproveitar sensores principal de 16MP e ultra-wide de 8MP com ângulo de visão de  118° . Outra novidade é o suporte a captura simultânea, ou seja, o usuário poderá gravar um vídeo com a câmera traseira e frontal ao mesmo tempo.

Por fim, ele é alimentado por uma bateria de 5000mAh com suporte para carregamento rápido através da porta USB-C. A Motorola promete mais de 40 horas de bateria com esse módulo.


O Moto G100 estará disponível com memória RAM de 12GB e armazenamento interno total de 256GB a partir de hoje, dia 25 de março. Porém, esse espaço pode ser expandido através de cartões Micro SD de até 1TB. O preço oficial do aparelho é de R$ 3.999, aumentando para R$ 4.099 caso a pessoa queira o cabo HDMI / USB-C dentro do kit. Acessórios como o dock multimídia serão vendidos separadamente, e ainda não temos informações sobre valores.

User img

Saori Almeida

Saori Almeida é natural do Rio Grande do Sul, técnica em administração formada pelo Centro Tecnológico de Caxias do Sul (CETEC) e estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Gosta da cultura asiática e nerd no geral e tem interesse crescente por tecnologia e games desde pequena - gosto que se intensifica diariamente na redação.

ANÁLISE: Drone DJI Mini 2 - 4K, até 31 minutos de voo e 10Km de distância, precisa mais?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.