Drone da SWAT pode quebrar janelas, abrir portas e derrubar outros drones
Créditos: Divulgação/BrincDrones

Drone da SWAT pode quebrar janelas, abrir portas e derrubar outros drones

O Lemur foi desenvolvido especificamente para ser usado em prisões policiais

Os drones estão ocupando cada vez mais espeço nas mais diversas áreas. Recentemente, a Brinc Drones anunciou o Lemur, um drone desenvolvido especificamente para as equipes policiais da SWAT. O equipamento apresenta lâmina giratória capaz de quebrar vidros. 

Brinc Drones - site oficial

O objetivo é tornar prisões preventivas mais seguras para os policiais. É comum que, quando a polícia chega com a ordem de prisão, os bandidos atirem, ou tentem fugir de alguma maneira. Isso acaba ferindo muitas pessoas e até invalidando a operação. Com o drone isso poderia ser simplificado.

Em caso de invasões de algum lugar, os policiais podem primeiro enviar o drone, que dá uma visão em tempo real de onde está o suspeito. Também pode quebrar janelas para averiguar o ambiente. Logo em seguida, a equipe pode fazer a abordagem, com mais informações e de maneira mais segura. 

O drone possui um link de celular criptografado, capaz de fazer a comunicação bidirecional. Ele pode corrigir comandos sozinho, como se virar quando fica de cabeça para baixo, por exemplo. Ou seja, é equipado para enviar informações precisas e auxiliar em abordagens difíceis. 

O que mais chama atenção é a sua capacidade de quebrar vidros. A lâmina de 5 polegadas presente no drone possui dentes de tungstênio. Ela consegue atingir até 30.000 rotações por minuto (RPM). Isso é o suficiente para quebrar vidros temperados, automotivos e residenciais. 

Continua após a publicidade

Ele também pode ser usado para outros fins. É capaz de abrir portas, caso esteja entreabertas, derrubar outros drones, ou ainda algum objeto estacionário. O Lemur é feito para ser utilizado em combate, assumindo perigos que anteriormente precisariam ser feitos por uma pessoa. 

Esse é um drone FPV, o que indica que o piloto vai ter visão em primeira pessoa. Apesar de ser desenvolvido pela Brinc Drones, ele é feito e distribuído pela Drone Nerds. É esperado que cada modelo seja negociado por cerca de US$ 10.000, aproximadamente R$ 55.000 em conversão direta, considerando a atual cotação da moeda. Apenas policiais da SWAT vão ter acesso ao drone, ele não será comercializado popularmente. 

Via: DroneDJ
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

MI 11 PRO e ULTRA! TUDO sobre os NOVOS celulares da XIAOMI

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.