Rover Perseverance da NASA que foi para Marte usa chip Apple de 1998
Créditos: NASA's Mars Exploration Program/Divulgação

Rover Perseverance da NASA que foi para Marte usa chip Apple de 1998

O chip RAD750 conta com modificações para aguentar ambientes extremos de temperatura e radiação

O rover recém enviado pela NASA para explorar Marte, o Perseverance é equipado com um chip da Apple bem parecido com o que foi usado no primeiro iMac, de 1998. A informação veio de uma reportagem pelo portal NewScientist, detalhando vários componentes e peças do pequeno andarilho que agora percorre solo marciano. Entretanto, o chip não é idêntico e teve "singelas" modificações para ser usado no rover. 

O chip presente no Perseverance é o RAD750, baseado no PowerPC 750 que deu vida ao primeiro computador pessoal da Apple. A diferença entre os dois é bem marcante: o RAD750 passou por um processo para aguentar altas doses de radiação em ambientes extremos, como satélites e espaçonaves em órbita.


Créditos: Henrik Wannheden

A CPU foi projetado para aguentar níveis de radiação na casa dos 1.000.000 de rads, temperaturas na casa entre -55 e 125 graus Celsius e custa mais de 200 mil dólares. Levando em conta as condições de Marte, o investimento foi necessário. 

A título de curiosidade, os chips PowerPC 750 contavam com 6,35 milhões de transistores e conseguiam alcançar velocidade de 366 MHz, consumindo por volta de 7.3W de energia. As CPUs foram fabricados pela IBM e Motorola utilizando um processo de fabricação com alumínio.

Já o RAD750 conta com 10,4 milhões de transistores e opera em velocidades de 110 a 200 MHz. O chip foi fabricado pela BAE Systems, uma multinacional inglesa aeroespacial, de segurança e fabricante de armas. 

Além do pouso do Perseverance no planeta vermelho ter sido um sucesso, a agência espacial americana liberou um vídeo em que é possível ter uma visão em 360 graus de Marte utilizando as diversas câmeras presentes no rover. A empresa explica que o vídeo foi gravado utilizando as câmeras de navegação chamadas de "navcams".

A NASA também realizou uma transmissão de uma missão espacial da Estação Espacial Internacional (ISS), mostrando reparos nos painéis solares. A missão foi um sucesso e é possível assistir na íntegra todo o processo. 

Via: Tweaktown, Wikipedia Fonte: NewScientist
User img

Mateus Alexandre

Designer gráfico, redator e artista nas horas vagas. É viciado em tecnologia, videogames e perde umas boas horas do dia pesquisando promoção de hardware.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.