Patente da Apple mostra um plano para cabos que não estragam tão facilmente
Créditos: Divulgação / Apple

Patente da Apple mostra um plano para cabos que não estragam tão facilmente

O novo método consiste em construir o cabo com diversos níveis de rigidez

A Apple recentemente preencheu uma patente que detalha os planos da empresa em produzir cabos de carregamento mais resistente e duráveis para seus aparelhos. A aplicação dessa patente foi notada pelo portal AppleInsider e descreve algumas ideias bem interessantes que podem trazer um nível de durabilidade maior que carece nos cabos atuais que a fabricante produz.

O método abordado pela patente conta com diferentes níveis de rigidez no fio, mantendo uma camada grossa ao longo de todo o cabo. 

05/02/2021 às 11:38
Notícia

O que recarrega um iPhone 12 Pro Max mais rápido: uma tomada ...

Youtuber mostra resposta em inusitado teste que você provavelmente não esperava

A ideia também é substituir o que a Apple chama de "parte de alívio de tensão", aquele pequeno pedacinho de plástico mais grosso que se encontra na parte mais próxima aos conectores dos cabos.

Essas partes de alívio de tensão desempenham um papel importante na hora de proteger as pontas dos cabos - já que é onde colocamos mais pressão ou força na hora de encaixar o conector na entrada de carregamento dos aparelhos. Entretanto, esse mecanismo não impede o desgaste do restante do cabo que acaba estragando de qualquer jeito. 


Modelo visual do que seria o cabo com diferentes partes de rigidez. Reprodução: uspto.gov

Com esse novo método de proteção, a empresa pode construir vários diferentes pontos de rigidez no cabo em função de protegê-lo independente de onde a pressão é aplicada. Se a ideia for para frente, é um grande passo na direção certa para boas práticas com seus consumidores - mesmo num mundo onde agora precisamos comprar o carregador separadamente do smartphone

Vale notar que esse preenchimento de patente não quer dizer muita coisa, é apenas uma forma da Apple proteger novas ideias que possam, talvez, ver a luz do dia. Se tudo encaminhar conforme o planejado, podemos ver essa ideia em execução nos próximos modelos de iPhone e iPads

Continua após a publicidade

Falando na Apple e suas empreitadas, a empresa estaria desenvolvendo um óculos de realidade mista que pode contar com visores de resolução 8K. O produto teria um enfoque para usuários premium que gostam de desfrutar do melhor que a gigante da tecnologia pode oferecer.

Detalhes são escassos, mas o preço já pode ter mostrado as caras: o dispositivo pode chegar ao mercado custando US$ 3.000, que podem ser convertidos, hoje, de forma direta e sem contar impostos, em R$ 16.000.

Via: Apple Insider, The Verge Fonte: Patent Images
User img

Mateus Alexandre

Designer gráfico, redator e artista nas horas vagas. É viciado em tecnologia, videogames e perde umas boas horas do dia pesquisando promoção de hardware.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.