Xiaomi registra patente de smart glasses terapêuticos [RUMOR]
Créditos: It Home

Xiaomi registra patente de smart glasses terapêuticos [RUMOR]

O site chinês It Home deu informações de que os óculos podem ser usados em tratamentos de doenças como depressão, ansiedade e fadiga ocular

O site chinês It Home revelou que a Xiaomi registrou a patente de um modelo de óculos inteligentes com propriedades terapêuticas, que são capazes de integrar detecção de problemas e o tratamento adequado.

Segundo o It Home, o registro classifica o produto como “óculos inteligentes e estojo de óculos”, e os detalhes sugerem que o equipamento pode ser utilizado para tratar transtornos mentais, como depressão e ansiedade, além de fadiga ocular.

21/01/2021 às 15:30
Notícia

Headset de realidade virtual da Apple deve chegar em 2022 com...

Design geral do dispositivo deve usar tecido para que ele não fique muito pesado

As informações divulgadas são de que o produto emite sinais terapêuticos, os quais incluem sinais de fototerapia — sinais ultravioleta, sinais de luz visível, sinais infravermelhos e sinais de laser — além de sinais de ondas sonoras.

Ondas eletromagnéticas, como a luz, são capazes de promover a absorção de elementos ausentes pelo usuário ou estimular efetivamente a circulação sanguínea no cérebro. Tendo isso em mente, a ideia é que os óculos auxiliem no tratamento de doenças nesse campo clínico.

Já os sinais compostos por ondas sonoras podem amenizar dores de cabeça ou fadiga ocular, trazendo um novo mercado para a Xiaomi.


Minuto Dinheiro/Reprodução

Não há muitas informações sobre o produto, mas caso a Xiaomi venha a comercializar os óculos, terá de enfrentar uma certa burocracia; a venda de itens para a área da saúde envolve obter algumas licenças e certificados de qualidade.

Continua após a publicidade

Outra questão caso os smart glasses comecem a ser vendidos é que a Xiaomi terá uma concorrente chinesa: a Huawei já lançou duas gerações do Gentle Monster Eyewear


Huawei/Reprodução

Os óculos da Huawei oferecem design acústico com ondas sonoras inversas, que permitem que as conversas realizadas através do equipamento permaneçam privadas, mesmo em ambientes mais silenciosos.

Além disso, o produto da concorrente da Xiaomi traz um diafragma de 128 mm² e controle de som baseado em deslizes na lateral da armação.
Se a Xiaomi decidir mesmo entrar nesse setor, será uma bela disputa. Resta aguardar mais detalhes. 

Via: GizmoChina Fonte: It Home
User img

Iraci Falavina

Estudante de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Iraci é apaixonada por games,principalmente se tiverem uma boa história. Também se interessa por animes e cinema e não recusa uma boa xícara de chá. Editora-chefe do programa de jogos do curso, o Insira a Ficha.

ONEPLUS NORD N10 5G! TELA 90Hz, CÂMERA de 64MP e MAIS

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.