Veja um Tesla indo de São Francisco a Los Angeles praticamente sozinho
Créditos: Whole Mars Catalog

Veja um Tesla indo de São Francisco a Los Angeles praticamente sozinho

O canal do YouTube Whole Mars Catalog mostrou um teste do "Full Self-Driving" em um Tesla Model 3

O dono do canal do YouTube “Whole Mars Catalog” publicou um vídeo de um Tesla Model 3 dirigindo sozinho de São Francisco até Los Angeles. A viagem de quase 615 km foi feita graças ao recurso Full Self-Driving, que apesar de estar em beta, praticamente não precisou de intervenções.

A única exceção foi logo após entrar em Los Angeles, quando o condutor teve que assumir a direção para evitar alguns obstáculos na estrada. Também houve um comportamento um tanto estranho na mudança de faixa na Market Street, uma das principais ruas de São Francisco.

No site oficial, a Tesla comunica que o Autopilot e o Full Self-Driving destinam-se a “ao uso com um motorista totalmente atento, que tem as mãos no volante e está preparado para assumir o comando a qualquer momento”.

23/12/2020 às 09:52
Notícia

Elon Musk diz que tentou vender Tesla para a Apple, mas Tim C...

Executivo teria tentado vender a fabricante em 2017, mas não conseguiu marcar uma reunião

A empresa também comunica que, embora os recursos sejam projetados para se tornarem mais habilidosos com o tempo, os recursos ativados atualmente não tornam o veículo autônomo

Ainda assim, os carros Tesla têm à disposição 8 câmeras externas, um radar, 12 sensores ultrassônicos e um computador de bordo que permitem uma camada extra de segurança. 


Tesla/Reprodução

Continua após a publicidade

A versão beta fechada do Full Self-Driving começou a ser lançada no fim de outubro de 2020. Naquela época, a Tesla não permitia que os clientes responsáveis pelos testes dirigissem em rodovias, e os primeiros testes circulavam por velocidades entre 25 e 30 mph. No vídeo do Whole Mars Catalog, a velocidade do carro fica por volta de 60 a 90 mph.

Desde outubro, o Full Self-Driving recebeu uma série de atualizações e vem melhorando gradualmente. No fim de dezembro de 2020, Elon Musk tweetou a respeito de uma assinatura anual do Full Self-Driving em vez de pagar adiantado pelo serviço, que custa US $10.000

Musk disse que a assinatura deve ser lançada ainda no início de 2021. O tweet foi uma resposta a uma pessoa que disse não fazer sentido comprar o serviço quando o carro é alugado, já que o FSD é ligado a cada veículo e não ao proprietário.

Fonte: Engadget, Teslarati, The Verge
User img

Iraci Falavina

Estudante de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Iraci é apaixonada por games,principalmente se tiverem uma boa história. Também se interessa por animes e cinema e não recusa uma boa xícara de chá. Editora-chefe do programa de jogos do curso, o Insira a Ficha.

XIAOMI na LISTA NEGRA dos EUA: quais os IMPACTOS para a FABRICANTE chinesa?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.