Operador de drone Mavic Air 2 resgata mulher incapacitada em praia nos EUA
Créditos: Reprodução/NBC Bay Area

Operador de drone Mavic Air 2 resgata mulher incapacitada em praia nos EUA

Incidente ocorreu em Pacifica Beach, na Califórnia

Enquanto operava seu drone DJI Mavic Air 2 em um voo recreacional e acompanhado de seus filhos, Josh Hug, professor na Universidade de Berkeley, na Califórnia, descobriu uma mulher incapacitada pelas ondas em Pacifica Beach e acabou efetuando seu resgate.

09/12/2020 às 09:16
Notícia

Homem é encontrado por empresa especializada em drones após 4...

Motorista sofreu o acidente depois de dormir no volante

"Estávamos apenas procurando coisas para fazer com as crianças”, disse Hug à NBC Bay Area. “Eu trouxe o drone para passar um tempo com eles”. Hug então pegou o drone e foi para a costa depois de ouvir sobre um aviso de ondas altas na área. "Sempre fui fascinado por ondas gigantescas", disse ele.

Quando Hug chegou em Pacifica Beach com seus filhos e começou a voar o drone, ele ficou empolgado com as imagens obtidas. "Eu estava olhando para o meu telefone, olhando para as rochas. As ondas estavam explodindo contra as rochas, era algo realmente bonito de se ver”. Foi então que ele notou algo diferente no cenário.

Operador de drone Mavic Air 2 resgata mulher incapacitada em praia nos EUA
Reprodução/NBC Bay Area

"Eu notei que havia alguém que parecia ter acabado de ser derrubado por uma onda", disse Hug. "Vi que era alguém com um cachorro e eles pareciam estar rolando com as ondas e eu pensei, 'Isso não é bom'”. O que Hug viu foi uma mulher caída na areia com a face voltada para o chão enquanto as ondas batiam nela. Como não havia ninguém mais por perto, ele deixou o controle do drone de lado e correu para ajudar a mulher, que parecia estar totalmente incapacitada.


Reprodução/NBC Bay Area

De acordo com as declarações dele à NBC Bay Area, a mulher mal conseguia se mover enquanto Hug tentava ajudá-la e nesse ponto ele entendeu que se tratava de uma situação de vida ou morte. O que aconteceu depois é que enquanto Hug tentava ajudar a mulher, seu drone com bateria baixa começou a retornar sozinho para sua base e com isso ele acabou filmando enquanto Hug se esforçava para ajudá-la e mantê-la longe do alcance das ondas do mar.

Continua após a publicidade


Reprodução/NBC Bay Area

Hug não estava conseguindo erguer a mulher sozinho, então tudo o que ele conseguia fazer era manter a cabeça dela acima da água e gritar por ajuda enquanto torcia para que ondas grandes não viessem contra eles. "Se uma onda grande viesse, não teria como ela ficar bem", disse Hug. "Eu senti como se o tempo estivesse acabando"

Depois de algum tempo dois outros homens viram o que estava acontecendo e se uniram a Hug para tentar resgatar a mulher. Juntos eles conseguiram levá-la para longe da água. "Acho que ele é um herói", disse Jeff Huntze, chefe do batalhão da North County Fire Authority. Ele e uma equipe de socorristas chegaram ao local minutos depois que a mulher foi retirada da água. Se Hug não tivesse corrido para ajudá-la, ela poderia ter se afogado bem antes dos socorristas chegarem ao local.

A história do resgate da mulher nos Estados Unidos também chamou a atenção de Brendan Schulman, vice-presidente de Política e Assuntos Jurídicos da DJI:

Um outro incidente recente envolvendo drones ocorreu no início de dezembro aqui no Brasil. Francisco Erlando Evangelista Cavalcante foi encontrado após 40 horas desaparecido com a ajuda de uma empresa especializada em monitoramento com drones. O homem de 34 anos foi encontrado e resgatado em uma ribanceira perto da rodovia MG-190, entre Monte Carmelo e Iraí de Minas, em Minas Gerais. Saiba mais aqui.

Via: DroneDJ, Gizmochina Fonte: NBC Bay Area
User img

Fabio Rosolen

ANÁLISE: Drone DJI Mini 2 - 4K, até 31 minutos de voo e 10Km de distância, precisa mais?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.