Microsoft pode estar desenvolvendo seus próprios chips com arquitetura ARM
Créditos: Reprodução/Aurich Lawson/Grid Engine

Microsoft pode estar desenvolvendo seus próprios chips com arquitetura ARM

Estes novos chips seriam voltados para servidores e dispositivos da linha Surface

De acordo com fontes da agência de notícias Bloomberg, a Microsoft está desenvolvendo seus próprios chips baseados na arquitetura ARM para uso em servidores e em novos dispositivos da linha Surface. Com isso a empresa basicamente estaria seguindo os mesmos passos da Apple com seu chip M1, desenvolvido para reduzir sua dependência da Intel. Uma diferença é que as fontes da agência de notícias - funcionários da Microsoft que pediram para permanecer anônimos - dizem que a empresa estaria usando designs da própria Arm. No caso da Apple, ela licencia o conjunto de instruções e desenvolve seus próprios designs - é por isso que os chips da empresa são conhecidos como 'Apple Silicon'.

10/11/2020 às 18:39
Notícia

Apple finalmente revela seu SoC M1 personalizado para computa...

Chip de 5nm baseado em ARM promete 2x mais desempenho que geração anterior.

Embora a Microsoft já tenha chips baseados na arquitetura ARM, o SQ1 e o SQ2, em dispositivos da linha Surface como o Surface Pro X, eles foram desenvolvidos pela empresa em parceria com a Qualcomm e são baseados nos chips Snapdragon 8cx e Snapdragon 8cx Gen 2, respectivamente.

Se a Microsoft for mesmo seguir os passos da Apple com seus próprios chips baseados na arquitetura ARM, faz mais sentido que ela desenvolva os chips para uso em servidores e continue com os chips SQ1 e SQ2 para os dispositivos da linha Surface. A Amazon, por exemplo, utiliza seus próprios chips Graviton em alguns data centers.

A unidade de design de chips da empresa responde a Jason Zander, chefe do negócio de nuvem Azure, em vez de Panos Panay, que supervisiona os produtos Surface. Representantes da Microsoft e da Arm se recusaram a comentar especificamente se a empresa está mesmo trabalhando nos novos chips.

"Como o silício é um bloco de construção fundamental para a tecnologia, continuamos investindo em nossas próprias capacidades em áreas como design, fabricação e ferramentas, ao mesmo tempo em que promovemos e fortalecemos parcerias com uma ampla gama de provedores de chips". 
-- Frank Shaw, porta-voz da Microsoft, em resposta ao artigo da Bloomberg


Microsoft SQ1 - chip usado em alguns dispositivos da linha
Surface foi desenvolvido em parceria com a Qualcomm
(Reprodução/Microsoft)

Vale lembrar também que no passado a Microsoft já havia dito que estava planejando lançar uma versão do Windows Server para a arquitetura ARM, assim como ela fez com Windows 10. Esta versão poderia ser usada em data centers da plataforma de computação em nuvem Azure e seriam um bom cenário de uso para os supostos novos chips.

Continua após a publicidade

A Microsoft intensificou a contratação de engenheiros de processadores nos últimos anos, recrutando profissionais de fabricantes de chips como Intel, AMD e NVIDIA. A empresa também contratou alguns profissionais da Qualcomm depois que ela abandonou seus esforços para o desenvolvimento de chips para servidores. Se isso resultará ou não em chips próprios da Microsoft, teremos que esperar para ver.

Via: Adrenaline, Ars Technica, Neowin.net Fonte: Bloomberg
User img

Fabio Rosolen

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.