Após 1 ano do lançamento iPhone 11 melhora sua pontuação em teste de câmera

Após 1 ano do lançamento iPhone 11 melhora sua pontuação em teste de câmera

O DxOMark atualizou seu protocolo utilizado para fazer benchmark das câmeras de smartphones e está refazendo testes com alguns aparelhos

Recentemente o site de beenchmark de câmeras DxOMark alterou seu protocolo de testes, chegando a quarta versão deste protocolo. Com isso o portal decidiu passar alguns smartphones por uma nova rodada de análises, agora para ter a melhor pontuação possível com o novo teste, o que acabou melhorando a nota de um modelo mais “antigo”, o iPhone 11.

04/12/2020 às 20:13
Notícia

ASUS Zenfone 7 Pro é eleito o smartphone com a melhor câmera ...

Smartphone da ASUS surpreendentemente ultrapassa o Galaxy Note 20 Ultra e é escolhido como melhor de ...

Além da atualização do protocolo do site, outro fator que influenciou bastante nos testes realizados pelo site é as atualizações de software das câmeras realizado pelas fabricantes ao longo do tempo.

Esses fatores ajudaram bastante o iPhone 11, que no segundo teste realizado com o modelo topo de linha melhorou a sua pontuação geral de 109 para 119 pontos. O aumento mostra que o modelo lançado em 2019 da Apple ainda aguente uma boa briga contra smartphones de 2020.

A pontuação do iPhone 11 botou o celular na frente de modelos como o Samsung Galaxy S20 + e o OnePlus 8 Pro, com ambos fazendo 118 pontos no teste. Porém é importante ressaltar que o modelo da Samsung ainda não passou pela novo protocolo de testes do DxOMark.

Mas mesmo assim o modelo conseguiu ganhar de modelos como o Asus Zenfone 7 Pro, que foi eleito por internautas como o smartphone com a melhor câmera de 2020 em um teste cego, mas que só fez 115 pontos no protocolo antigo da DxOMark.

Veja mais sobre o iPhone 11.

Créditos: Apple

Com isso o iPhone 11 ainda é considerado um modelo com uma das melhores câmeras disponíveis, oferecendo uma excelente qualidade de foto e vídeo e deixando bem pouco a desejar. O modelo é capaz de entregar fotos com excelentes detalhes, mesmo em ambientes internos, trazendo uma exposição bastante precisa, uma boa reprodução de cores e um ótimo desempenho do seu sensor grande-angular.

Continua após a publicidade

02/12/2020 às 16:55
Notícia

Procon-SP não aceita justificativa da Apple para a falta de c...

O órgão afirma que qualquer cliente que se sentir lesado deve receber o carregador

Mas alguns pontos fizeram com o modelo não tenha uma nota ainda melhor no teste, o principal dele é a falta de uma lente telefoto, que compromete muito a qualidade de uma fotografia com zoom. Alguns artefatos e retratos com flash superexpostos à noite também influenciaram bastante negativamente o nota do dispositivo.

Na questão de gravação de vídeo a site reforça as mesmas vantagens do moto foto, junto com a estabilização eficaz presente no modelo. Mas o iPhone 11 apresenta um “efeito gelatina” enquanto caminha, além de ter problemas em manter um bom equilíbrio de branco e exposição em ambientes internos.

O teste realizado mostra que, na questão de câmeras, um celular de uma geração mais antiga não é necessariamente ruim, inclusive muito pelo contrário. É possível ler toda a nova análise do iPhone 11 neste link.

Via: GSMArena Fonte: DxOMark
User img

Willian Vieira

Willian Ferreira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2019 e começou a estudar Sistemas na Estácio. Desde criança é um aficionado por games, essa paixão acabou despertando o interesse na área de tecnologia. Joga de tudo um pouco, mas tem uma preferencia para jogos de ação, FPS e Fable.

Huawei Band 6: unboxing e breve comparativo com a Honor Band 6

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.